A relevância do folclore nas escolas municipais: um estudo sobre a dança folclórica

Carolina Miyuki Izumi, Joaquim Martins Junior

Resumo


Este estudo visa analisar a importância atribuída à dança folclórica nas escolas municipais de Maringá como meio de educação e de formação e integração cultural. Busca verificar os tipos de dança lá ensinados, a metodologia aplicada pelos professores, a sua aceitação pelos alunos, e ainda, conhecer os principais tipos de estímulo utilizados para o desenvolvimento da dança folclórica nessas escolas. A população foi composta pelos professores das seis escolas de ensino fundamental de 1º a 4º séries que ensinam danças folclóricas aos seus alunos, sendo a amostra constituída de um professor de cada uma dessas escolas. O instrumento de pesquisa se constituiu de um roteiro de entrevistas estruturadas, devidamente validado para esta pesquisa por especialistas na forma, metodologia e conteúdo. Os dados foram coletados nas próprias escolas, nos horários das aulas dos respectivos professores, e analisados por intermédio da estatística descritiva, em nível de freqüência e percentual. Os resultados demonstraram que todas as escolas possuem dança folclórica em seu currículo e que esta é de grande aceitação pelos alunos. As aulas são ministradas com a metodologia histórico-crítica, motivando os alunos a participar dos grupos de dança, que se apresentam em festivais. Ao final, pôde-se concluir que a dança contribui para o desenvolvimento da criança em aspectos como socialização, resgate da cultura, melhoria dos aspectos cognitivo, afetivo e motor, e que a inclusão e o incentivo à dança folclórica nas escolas municipais é um excelente exemplo que deveria ser seguido por outras escolas, para incentivar cada vez mais a educação e a cultura, consideradas o ponto de partida para a formação consciente do indivíduo.

Palavras-chave


folclore, ensino fundamental, Educação Física

Texto completo:

Artigo_pdf


Iniciação Científica Cesumar
Unicesumar, Maringá (PR), Brasil
ISSN 2176-9192 On-line
Contato: naep@unicesumar.edu.br

ISSN 1518-1243 Versão impressa interrompido em 2019

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.