Vivências Familiares de Adolescentes Usuários de Drogas

Rafael Rodrigo da Silva Pimentel, Thaís Fukunishi Soares, Adriana Danmvolf Ribas, Márcia Glaciela da Cruz Scardoelli

Resumo


O objetivo deste estudo foi compreender a vivência da família com adolescente usuário de álcool e substâncias psicoativas. Pesquisa descritiva de abordagem qualitativa realizada no período de julho a setembro de 2015. Participaram deste estudo, cinco familiares de usuários de crack e outras substâncias psicoativas. A coleta de dados foi realizada por meio de entrevistas com questionário semiestruturados contendo questões abertas e fechadas. Para análise dos dados utilizou-se a técnica de análise de conteúdo modalidade temática proposta por Minayo (2007). Os resultados demonstraram os prejuízos afetivos que o uso de drogas pelo adolescente traz para seus familiares, expressados por sentimentos de raiva, angustia, medo, preocupação. Além da sobrecarga de trabalho e cuidados expressa pelo adolescente. Diante disso, o estudo mostrou a necessidade de uma atenção voltada para o familiar do usuário de drogas.

Palavras-chave


Família; Adolescentes; Drogas; Álcool; Crack

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17765/1518-1243.2016v18n2p149-160

Iniciação Científica Cesumar

Unicesumar, Maringá (PR), Brasil
Contato: naep@unicesumar.edu.br
ISSN 1518-1243 Impressa
ISSN 2176-9192 On-line

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.