Análise Econômica de um Sistema de Gestão Compartilhada de Resíduos Sólidos Oriundos de uma Indústria de Alimentos

Laine Rodrigues Lima, Jéssica Vilela da Cruz, Waldemar Hazoff Junior, Francisco Rafael Martins Soto

Resumo


Este trabalho tem como objetivo a análise econômica de um sistema de gestão compartilhada de resíduo de massa seca (RMS) produzido em uma indústria de alimentos e a sua reciclagem em uma granja de suínos do Estado de São Paulo. Secundariamente foi avaliado o impacto sanitário e ambiental da gestão do RMS. A investigação foi efetuada mediante a coleta de dados produzidos na indústria de alimentos e na granja de suínos no ano de 2013. Foi analisada a relação do investimento e retorno no processo de reciclagem, a segurança ambiental e sanitária do RMS desde a sua produção até sua inclusão como ingrediente para ração animal. Os resultados mostraram que a gestão compartilhada no aspecto econômico foi capaz de reduzir em média 13,42% os custos das rações dos suínos e o tempo médio de retorno de investimento foi de nove meses. No aspecto ambiental, houve uma efetividade de 95,52% de reciclagem e reaproveitamento do RMS. Na análise do impacto sanitário, a gestão compartilhada permitiu a promoção da segurança sanitária em todas as etapas de reciclagem do RMS.

Palavras-chave


Gestão; Reciclagem; Resíduo de massa seca; Suinocultura; Sustentabilidade.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17765/2176-9168.2016v9n4p917-933

Revista em Agronegócio e Meio Ambiente


Unicesumar, Maringá (PR), Brasil
Contato: naep@unicesumar.edu.br
ISSN 2176-9168 On-line
ISSN 1981-9951 Versão impressa interrompida em 2019

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.