MONITORAMENTO DA ÁGUA EM BACIA HIDROGRÁFICA COM DIFERENTES USOS DO SOLO NO MUNICÍPIO DE RIO VERDE (GO)

Gilmar Oliveira Santos, Renystton de Lima Ribeiro, Túlio Pereira Parreira, Daniela Ferreira da Silva, Kalyne Afonso Silva, Camilla Frazão Azeredo

Resumo


A degradação dos ecossistemas aquáticos, resultante da má gestão do uso do solo e das atividades antropogênicas, constitui uma das grandes preocupações ecológicas dos últimos anos por reduzir a disponibilidade e qualidade dos recursos hídricos. Portanto, o trabalho teve como objetivo caracterizar a variabilidade temporal e espacial da qualidade e disponibilidade hídrica e a relação com o uso do solo na bacia hidrográfica do córrego do Sapo, município de Rio Verde, Goiás, Brasil. Para constatar a influência utilizou-se imagem de satélite ESRI; Google Earth. O monitoramento qualitativo (químico, físico e microbiológico) e quantitativo da água foi realizado bi-mensal no ano de 2016. A bacia se caracterizou com maior parte agrícola (57,3%), portanto, os impactos de restrição de uso da água são advindos em maior parte da área urbana que corresponde a 20% da área de influência. Houve bons índices de qualidade da água e potencial de irrigar até 899 hectares, portanto, a presença de coliformes restringe o uso da água em culturas de consumo direto. Devido à presença de ferro na água, a instalação de sistemas de irrigação deve ser acompanhada de sistemas de filtragem para retenção das partículas e, consequentemente, melhor aproveitamento do equipamento. A disponibilidade hídrica passa por oscilações devido à falta de áreas de preservação permanente. Há necessidade de implementar medidas de planejamento estratégico de gestão dos recursos hídricos na bacia hidrográfica do córrego do Sapo para recuperação e melhoria da qualidade e disponibilidade hídrica.

Palavras-chave


Geoprocessamento; Irrigação; Qualidade da água; Vazão.

Texto completo:

PDF

Referências


ACQUA, N. H. D.; SILVA, G. P.; BENITES, V. M.; ASSIS, R. L.; SIMON, G. A. Métodos de amostragem de solos em áreas sob plantio direto no sudoeste goiano. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, Campina Grande, v. 17, n. 2, p. 117-122, nov./2012. 2013.

ALMEIDA, R. F. B.; BAYER, M.; FERREIRA JÚNIOR, L. G. Compartimentação morfométrica da bacia do rio Coco como subsídio a análise de fragilidade ambiental. Mercator, Fortaleza, v. 15, n. 4, p. 83-94, out./dez. 2016.

ARAÚJO, F. V.; VIEIRA, L.; JAYME, M. M. A.; NUNES, M. C. N.; CORTÊS, M. Avaliação da qualidade da água utilizada para irrigação na bacia do Córrego Sujo, Teresópolis, RJ. Caderno Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v. 23, n. 4, p. 380-385, out./dez. 2015.

BERTOSSI, A. P. A.; CECÍLIO, R. A.; NEVES, M. A.; GARCIA, G. O. Qualidade da água em microbacias hidrográficas com diferentes coberturas do solo no sul do Espírito Santo. Revista Árvore, Viçosa, v. 37, n. 1, p. 107-117, jan./mar., 2013.

BRASIL. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Censo demográfico 2010. Brasília: Ministério do Planejamento e Orçamento, 2010.

CARVALHO, K. Q.; LIMA, S. B.; PASSIG, F. H.; GUSMÃO, L. K.; SOUZA, D. C.; KREUTZ, C.; BELINI, A. D.; ARANTES, E. J. Influence of urban area on the water quality of the Campo River basin, Paraná State, Brazil. Brazilian Journal Biology, São Carlos, v. 75, n. 4, supplement 2, p. 96-106, mai. 2015.

DALASTRA, C.; HERNANDEZ, F. B. T.; BARBOZA, G. C.; SONEGO, C. R. Qualidade da água do córrego do Cedro para fins de irrigação na produção de alimentos in-natura. Revista de Agricultura Neotropical, Cassilândia, v. 1, n. 2, p. 52-63, out./dez. 2014.

INSTITUTO MINEIRO DE GESTÃO DAS ÁGUAS - IGAM. Sistema de cálculo da qualidade da água (SCQA): estabelecimento das equações do Índice de Qualidade das Águas (IQA). Relatório 1. 2005. Disponível em: . Acesso em: 05 dez. 2016.

INSTITUTO NACIONAL DE METEOROLOGIA (INMET). Dados climáticos da Estação de Rio Verde: série histórica de 1961 a 2015. Banco de dados do Instituto Nacional de Meteorologia. 2015.

LAMPARELLI, M. C. Graus de trofia em corpos de água do estado de São Paulo: avaliação dos métodos de monitoramento. 207f. Tese (Doutorado em Ecossistemas Terrestres e Aquáticos) - Instituto de Biociências, Universidade de São Paulo, 2004.

MENEZES, J. P. C.; BITTENCOURT, R. P.; FARIAS, M. S.; BELLO, I. P.; FIA, R.; OLIVEIRA, L. F. C. Relação entre padrões de uso e ocupação do solo e qualidade da água em uma bacia hidrográfica urbana. Revista Engenharia Sanitária & Ambiental, Rio de Janeiro, v. 21, n. 3, p. 519-534, jul./set. 2016.

OLIVEIRA, P. C. R.; NOGUEIRA, M. G.; SARTORI, L. P. Differential environmental impacts on small and médium size rivers from center os São Paulo State, Brazil, and regional mangement perspectives. Acta Limnologica Brasiliensia, Rio Claro, v. 26, n. 4, p. 404-419, out./dec. 2014.

PEREIRA, B. W. F.; MACIEL, M. N. M.; OLIVEIRA, F. A.; ALVES, M. A. M. S.; RIBEIRO, A. M.; FERREIRA, B. M.; RIBEIRO, E. G. P. Uso da terra e degradação na qualidade da água na bacia hidrográfica do rio Peixe-Boi, PA, Brasil. Revista Ambiente & Água, Taubaté, v. 11, n. 2, p. 472-485, abr./jun. 2016.

PRADO, F. S.; SANTOS, G. O.; FERREIRA, H. A.; ARANTES, J. O.; SIEBA, W. R. Cobertura vegetal em áreas verdes urbanas no município de Rio Verde, Goiás. In: CONGRESSO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UNIVERSIDADE DE RIO VERDE, XI, 2017, Rio Verde, Goiás. Anais... Rio Verde: UniRV, 2017, p. 267-270.

SANTOS, G. O.; HERNANDEZ, F. B. T. H. Uso do solo e monitoramento dos recursos hídricos no córrego do Ipê, Ilha Solteira, SP. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, Campina Grande, v. 17, n. 1, p. 60-68, jan. 2013.

SCHERER, K.; GRANADA, C. E.; STÜLP, S.; SPEROTTO, R. A. Avaliação bacteriológica e físico-química de águas de irrigação, solo e alface (Lactuca sativa L.). Revista Ambiente & Água, Taubaté, v. 11, n. 3, p. 665-675, jul./set. 2016.

SOUZA, M. M.; GASTALDINI, M. C. C. Avaliação da qualidade da água em bacias hidrográficas com diferentes impactos antrópicos. Revista Engenharia Sanitária e Ambiental, Rio de Janeiro, v. 19, n. 3, p. 263-274, jul./set. 2014.

RIO VERDE, PREFEITURA MUNICPIAL DE. Infraestrutura. Disponível em: . Acesso em: 05 dez. 2016.

TERNUS, R. Z.; SOUZA-FRANCO, G. M.; ANSELMINI, M. E. K.; MOCELLIN, D. J. C.; MAGRO, J. D. Influence of urbanisation on water quality in the basin of the upper Uruguay River in western Santa Catarina, Brazil. Acta Limnologica Brasiliensia, Rio Claro, v. 23, n. 2, p. 189-199, abr./jun. 2011.

VANZELA, L. S.; GRECCO, D. L. G.; COSTA NETO, J. N.; SANTOS, G. O. Evaluation of sediment production and siltation in a small Earth dam in Fernandópolis, SP. Engenharia Agrícola, Jaboticabal, v. 34, n. 5, p. 912-924, set./out. 2014.

VANZELA, L. S.; HERNANDEZ, F. B. T.; FRANCO, R. A. M. Influência do uso e ocupação do solo nos recursos hídricos do Córrego Três Barras, Marinópolis. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, Campina Grande, v. 14, n. 1, p. 55-64, jan. 2010.

ZAMBERLAN, J. F.; ROBAINA, A. D.; PEITER, M. X.; FERRAZ, R. C.; PINTO, L. M. Índices sazonais de qualidade da água de irrigação via análise multivariada na região central do Rio Grande do Sul. Irriga, Botucatu, v. 18, n. 3, p. 376-386, jul./set., 2013.




DOI: http://dx.doi.org/10.17765/2176-9168.2019v12n1p249-271

Revista em Agronegócio e Meio Ambiente


Unicesumar, Maringá (PR), Brasil
Contato: naep@unicesumar.edu.br
ISSN 2176-9168 On-line
ISSN 1981-9951 Versão impressa interrompida em 2019

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.