ESTÍMULOS E BARREIRAS PARA O APROVEITAMENTO DE RESÍDUOS DE MADEIRA NA FABRICAÇÃO DE BRIQUETES: ESTUDO DE CASOS

Jéssica Mariella Bauer, Miguel Afonso Sellitto

Resumo


A indústria de processamento mecânico da madeira é importante geradora de resíduos lignocelulósicos. Estes são usualmente descartados e se o forem de modo inadequado, podem causar danos ambientais. Dadas as recentes exigências ambientais, empresas do setor têm considerado investimentos no aproveitamento de resíduos como a serragem, cavacos e o pó de madeira para confecção de briquetes. O objetivo deste artigo é identificar os motivos que levam uma empresa de processamento de madeira a aproveitar os resíduos de seu processo produtivo para a produção de briquetes e os fatores que possam dificultar ou facilitar esse processo. O método de pesquisa adotado neste trabalho foi o estudo de casos múltiplos. Analisaram-se duas empresas de beneficiamento de madeira que confeccionam briquetes (B1 e B2) e outras duas empresas que não aproveitam seus resíduos (M1 e M2). Os resultados evidenciam que os principais estímulos para a produção de briquetes são a destinação correta dos resíduos em acordo à legislação e a obtenção de ganhos financeiros superiores à simples venda. As principais barreiras observadas foram a alta sazonalidade do negócio e a baixa informação do mercado consumidor sobre vantagens e benefícios de utilização de briquetes. Os setores não obtêm incentivos fiscais, governamentais ou legais no Brasil. Além disso, assinalou-se a disponibilidade de resíduos próprios e de baixa umidade, já que a aquisição de resíduos de outras empresas, transporte e a exigência de secagem aumentam os custos do processo.

Palavras-chave


Biomassa; Briquetes; Resíduos lignocelulósicos.

Texto completo:

PDF

Referências


ALMEIDA, A.; SILVA, J.; ANGELO, H. Caracterização do ambiente de negócios para produção de madeira serrada no Brasil e no Canadá. Floresta, v. 41, n. 4, p. 751-764, out./dez. 2011.

BARBOSA, L.; PEDRAZZI, C.; FERREIRA, E.; SCHNEID, G.; WILLE, V. Avaliação dos resíduos de uma serraria para a produção de celulose kraft. Ciência Florestal, v. 24, n. 2, p. 491-500, abr./jun. 2014.

BHATTACHARYA, S. C.; SETT, S.; SHRESTHA, R. M. State of the art for biomass densification. Energy Sources, v. 11, n. 3, p. 161-182, maio 2007.

BORGHI, M. M. Efeito da granulometria na avaliação dos briquetes. 2012. 47 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Engenharia Industrial Madeireira) - Universidade Federal do Espírito Santo, Jerônimo Monteiro, 2012.

BRASIL. Lei nº 12.305, de 2 de agosto de 2010. Institui a Política Nacional de Resíduos Sólidos; altera a Lei nº 9.605, de 12 de fevereiro de 1998; e dá outras providências. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2010/lei/l12305.htm. Acesso em: 27 fev. 2018.

BRITO, L. S.; CUNHA, M. E. T. Reaproveitamento de resíduos da indústria moveleira. Unopar Científica Ciências Exatas e Tecnológicas, v. 8, n. 1, p. 23-26, nov. 2009.

BUZIN, P. J. W. K. Desenvolvimento de briquetes autorredutores a partir de carepas de processamento siderúrgico para utilização em forno elétrico a arco. 138 f. 2009. Dissertação (Mestrado em Engenharia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2009.

CAETANO, M.; DEPIZZOL, D.; REIS, A. Analysis of solid waste management and improvement proposal: a case study in carpentry of Cariacica-ES. Gestão & Produção, v. 24, n. 2, p. 382-394, 2017.

CARVALHO, E. A.; BRINCK, V. Briquetagem. In: LUZ, A. B.; SAMPAIO, J. A.; ALMEIDA, S. L. M. (org.). Tratamento de minérios. Rio de Janeiro: CETEM-MCT, 2004. p. 613-636.

CORTEZ, L. A. B.; LORA, E. E. S.; GÓMEZ, E. O. Biomassa para energia. Campinas: Ed. da Unicamp, 2008.

DALÓLIO, F.; SILVA, J.; BAÊTA, F.; TINÔCO, I.; CARNEIRO, A. Nota técnica: Cama de frango e resíduo moveleiro: alternativa energética para a zona da mata mineira. Revista Engenharia na Agricultura, v. 25, n. 3, p. 261-271, maio/jun. 2017.

DANTAS, A. P.; SANTOS, R. R.; SOUZA, S. C. O briquete como combustível alternativo para a produção de energia. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE GESTÃO AMBIENTAL, 3., 2012, Goiânia. Anais [...]. Goiânia: IBEAS, 2012. v. 1, p. 1-5.

DIAS, J. D. S. et al. Produção de briquetes e péletes a partir de resíduos agrícolas, agroindustriais e florestais. Brasília: Embrapa Agroenergia, 2012. 130 p.

DIAS, J. J. Utilização da biomassa: avaliação dos resíduos e utilização de pellets em caldeiras domésticas. 2002. 112 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Técnica de Lisboa. Lisboa, 2002.

DUTRA, R. I. J. P.; NASCIMENTO, S. M.; NUMAZAWA, S. Resíduos de indústria madeireira: caracterização, consequências sobre o meio ambiente e opções de uso. Revista Científica Eletrônica de Engenharia Florestal, v. 3, n. 5, jan. 2005.

EMERHI, E. A. Physical and combustion properties of briquettes produced from sawdust of three hardwood species and different organic binders. Advances in Applied Science Research, v. 2, n. 6, p. 236-246, 2011.

EMPRESA DE PESQUISA ENERGÉTICA. Balanço Energético Nacional 2017: ano base 2016. Rio de Janeiro: EPE, 2017.

FAGUNDES, H. A. V. Produção de madeira serrada e geração de resíduos do processamento de madeira de florestas plantadas no Rio Grande do Sul. 2003. 173 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2003.

FARAGE, R. M. P. Aproveitamento dos resíduos lignocelulósicos gerados no polo moveleiro de Ubá para fins energéticos. 2009. 105 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2009.

FARAGE, R. M. P. et al. Avaliação do potencial de aproveitamento energético dos resíduos de madeira e derivados gerados em fábricas do polo moveleiro de Ubá - MG. Ciência Florestal, v. 23, n. 1, p. 203-212, jan./mar. 2013.

FELFLI, F. F.; ROCHA, J. D.; FILIPPETTO, D.; LUENGO, C. A.; PIPPO, W. A. Biomassbriquetting and its perspectives in Brazil. Biomass and Bioenergy, v. 35, n. 1, p. 236-242, jan. 2011.

FILIPPETTO, D. Briquetagem de resíduos vegetais: viabilidade técnico-econômica e potencial de mercado. 2008. 74 f. Dissertação (Mestrado em Planejamento de Sistemas Energéticos) - Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2008.

GENTIL, L. V. B. Tecnologia e economia do briquete de madeira. 2008. 195 f. Tese (Doutorado em Engenharia Florestal) - Universidade de Brasília, Brasília, 2008.

GONÇALVES, J. E. Avaliação energética e ambiental de briquetes produzidos com rejeitos de resíduos sólidos urbanos e madeira de Eucalyptus grandis. 104 f. 2010. Tese (Doutorado em Agronomia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Botucatu, 2010.

GOUVÊA, A. et al. Estudo da adição da lignina kraft nas propriedades mecânicas dos briquetes de resíduos da indústria moveleira. Ciência Florestal, v. 27, n. 3, p. 1029-1036, 2017.

HERBST, É. Diagnose da gestão de resíduos sólidos no setor moveleiro da RMC e contribuições para o projeto da central de resíduos. 2011. 130 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2011.

IBÁ - INDÚSTRIA BRASILEIRA DE ÁRVORES. Relatório IBA 2015. Disponível em: http://iba.org/pt/noticias/gestao-de-residuos-solidos. Acesso em: 22 mar. 2018.

LIMA, E. G.; SILVA, D. A. Resíduos gerados em indústrias de móveis de madeira situadas no pólo moveleiro de Arapongas-PR. Floresta, v. 35, n. 1, p. 105-116, jan./abr. 2005.

LUZ, S. O. C.; SELLITTO, M. A.; GOMES, L. P. Environmental performance measurement supported by a multicriterial approach: a case study in a manufacturing operation in the automotive industry. Gestão & Produção, v. 13, p. 557-570, set./dez. 2006.

MAKASHIMA, G. T. et al. Briquetes produzidos a partir do aproveitamento de resíduos provenientes do aterro de resíduos inertes da cidade de Sorocaba. Revista Brasileira de Energias Renováveis, v. 7, n. 2, p. 231-243, 2018.

MORAIS, D. M. Briquetes de resíduos ligno-celulósicos como potencial energético para a queima de blocos cerâmicos: aplicação em uma indústria de cerâmica vermelha que abastece o Distrito Federal. 2007. 265 f. Tese (Doutorado em Estruturas e Construção Civil) - Universidade de Brasília, Brasília, 2007.

MURAKAMI, F.; SULZBACH, A.; PEREIRA, G. M.; BORCHARDT, M.; SELLITTO, M. How the Brazilian government can use public policies to induce recycling and still save money? Journal of Cleaner Production, v. 96, n. 1, p. 94-101, jul. 2015.

MWAMPAMBA, T. H.; OWEN, M.; PIGAHT, M. Opportunities, challenges and way forward for the charcoal briquette industry in Sub-Saharan Africa. Energy for Sustainable Development, v. 17, p. 158-170, apr. 2013.

OLIVEIRA, T. L. Análise energética e exergética de biomassas como fonte energética sustentável em um forno elétrico a arco. 2013. 126 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2013.

PANWAR, V.; BRASAD, B.; WASEWAR, K. L. Biomass residue briquetting and characterization. Journal of Energy Engineering, v. 137, n. 2, p. 108-114, nov. 2011.

PARASHAR, A.; SINGH, H. K. A case study: energy generation using biomass briquettes in brick kiln of Dholphur, Rajasthan, India. Progress in Science and Engineering Research Journal, v. 2, n. 4-6, p. 81-85, 2014.

PROTÁSIO, T. D. P.; BUFALINO, L.; MENDES, R. F.; RIBEIRO, M. X.; TRUGILHO, P. F.; LEITE, E. R. D. S. Torrefação e carbonização de briquetes de resíduos do processamento dos grãos de café. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, v. 16, n. 11, p. 1252-1258, nov. 2012.

QUIRINO, W. F. Briquetagem de resíduos lignocelulósicos. [s. l.]: LPF/IBAMA, 2005.

QUIRINO, W. F.; BRITO, J. O. Características e índice de combustão de briquetes de carvão vegetal. Brasília: IBAMA, 1991.

RAMÍREZ-GÓMEZ, A. et al. Values for particle-scale properties of biomass briquettes made from agroforestry residues. Particuology, v. 12, p. 100-106, feb. 2014.

ROSÁRIO, L. M. Briquetagem visando utilização de resíduos de uma serraria. 2011. 37 f. Monografia - Departamento de Engenharia Florestal, Universidade Federal do Espírito Santo, Jerônimo Monteiro, 2011.

ROY, M. M.; CORSCADDEN, K. W. An experimental study of combustion and emissions of biomass briquettes in a domestic wood stove. Applied Energy, v. 99, p. 206-212, nov. 2012.

SCHMIDT, Jéssica Andressa. Estudo da viabilidade de produção de briquetes de biomassa de madeira na região de Lages. 2015. 34 f. Relatório de Estágio (Graduação) - Universidade do Planalto Catarinense, Lages, 2015.

SCHUTZ, F. C. A.; ANAMI, M. H.; TRAVESSINI, R. Desenvolvimento e ensaio de briquetes fabricados a partir de resíduos lignocelulósicos da agroindustria. Inovação e Tecnologia, v. 1, n. 1, p. 3-8, 2010.

SELLITTO, M. A.; KADEL JR., N.; BORCHARDT, M.; PEREIRA, G. M.; DOMINGUES, J. Rice husk and scrap tires co-processing and reverse logistics in cement manufacturing. Ambiente & Sociedade, v. 16, n. 1, p. 141-162, jan./mar. 2013.

SELLITTO, M. A. Assessment of the effectiveness of green practices in the management of two supply chains. Business Process Management Journal, v. 24, p. 23-48, jan./fev. 2018.

SHARIFI, V.; SWITHENBANK, J.; JAMSA-JOUNELA, S. A study on the dynamic combustion behavior of a biomass fuel bed. Fuel, v. 135, p. 468-481, nov. 2014.

SILVA, C. A. Estudo técnico-econômico da compactação de resíduos madeireiros para fins energéticos. 2007. 68 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2007.

SILVA, J. W. F.; CARNEIRO, R. A. F.; LOPES, J. M. Da biomassa residual ao briquete: viabilidade técnica para produção de briquetes na microrregião de Dourados. Revista Brasileira de Energias Renováveis, v. 6, n. 4, p. 624-646, 2017.

SILVA, J.; CARNEIRO, R.; OLIVEIRA, S.; LOPES, J. Biomassa residual agrícola para produção de briquetes na microrregião de Dourados-MS. Cadernos de Agroecologia, v. 11, n. 2, p. 235-246, 2016.

SILVA, V. S.; GARCIA, C. A.; SILVA, C. M. O destino do bagaço da cana-de-açúcar: um estudo a partir das agroindústrias sucroalcooleiras do Paraná. Revista em Agronegócio e Meio Ambiente, v. 3, n. 1, p. 59-76, jan./abr. 2010.

SRIVASTAVA, N. S. L.; NARNAWARE, S. L.; MAKWANA, J. P.; SINGH, S. N.; VAHORA, S. Investigating the energy use of vegetable market waste by briquetting. Renewable Energy, v. 68, p. 270-275, aug. 2014.

TAVARES, M. A. M. E.; TAVARES, S. R. L.; MOREIRA, I. T. A produção de briquetes para amenizar a pressão antrópica sobre o bioma caatinga na região do Baixo-Açu Potiguar. Holos, Natal, v. 5, p. 256-270, set./out. 2015.

TAVARES, M. A. M. E. Estudo da viabilidade da produção de briquete e seus possíveis impactos sobre o meio ambiente e o mercado de trabalho da região do Baixo-Açu, RN. 2013. 246 f. Dissertação (Mestrado em Economia) - Universidade Federal da Paraíba, João Pessoa, 2013.

TUOTO, M. Projeto PNUD BRA 00/20. Curitiba: MMA, 2009.

YIN, R. Estudo de caso: planejamento e métodos. Porto Alegre: Bookman, 2010.

YUSOFF, S. Renewable energy from palm oil e innovation on effective utilization of waste. Journal of Cleaner Production, v. 14, p. 87-93, dec. 2006.

ZERBINATTI, O. E.; SILVA, A. B.; PEREIRA, A. J.; MIRANDA, J. M. Briquetagem de resíduos de cafeeiro conduzido no sistema safra zero. Semina: Ciências Agrárias, v. 35, n. 3, p. 1143-1152, maio/jun. 2014.




DOI: http://dx.doi.org/10.17765/2176-9168.2019v12n4p1267-1289

Revista em Agronegócio e Meio Ambiente


Unicesumar, Maringá (PR), Brasil
Contato: naep@unicesumar.edu.br
ISSN 2176-9168 On-line
ISSN 1981-9951 Versão impressa interrompida em 2019

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.