A informação contábil e a tomada de decisão nas empresas - alguns aspectos introdutórios

Andréa Lúcia Doná, Marcelo Soncini Rodrigues, Maria Cristina da Silva Souza, Nilton Facci

Resumo


A informação é a geradora das vantagens que uma empresa poderá obter no dinâmico e sistêmico ambiente empresarial que atua. Esta afirmação já não é nenhuma novidade. Peter Drucker já a apresentava deste os anos 70. No entanto, só a mais ou menos 10 a 15 anos que as empresas brasileiras, notadamente as nacionais, atentam para esta afirmação. Este fato provocou uma verdadeira corrida, na busca de sistemas que gerem informações que possam, verdadeiramente, apoiar as decisões nas empresas, sejam elas em qualquer nível (principalmente táticas e estratégicas). No entanto, construir um sistema de informações não é tarefa simples. As suas implicações em todos os sistemas existentes na empresa são fortes. Vários aspectos deverão ser observados e, dentre eles, aqueles direcionados aos aspectos comportamentais e/ou institucionais (crenças, valores, objetivos), inseridos em cada gestor e em cada funcionário da empresa, sendo que, também estes mesmos aspectos evidenciados pelo mercado podem impactar o desenvolvimento de um sistema de informações. De forma mais direta, o Sistema Contábil, quando direcionado aos objetivos da empresa, aliando as necessidades para que esta bem atue no mercado, poderá contribuir para a sua eficácia e continuidade.

Palavras-chave


informação contábil; tomada de decisão

Texto completo:

Artigo_Pdf


Revista Cesumar – Ciências Humanas e Sociais Aplicadas
Unicesumar, Maringá (PR), Brasil
ISSN 2176-9176 On-line
Contato: naep@unicesumar.edu.br

ISSN 1516-2664 Versão impressa interrompido em 2019

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.