A Perspectiva do Colonizador a Partir do Capítulo Crossing The River da Obra de Mesmo Título de Caryl Phillips

Geniane Diamante Ferreira Ferreira

Resumo


O artigo analisa os eventos ocorridos na viagem do Capitão James Hamilton, personagem do livro ‘Crossing the River’, de Caryl Phillips, rumo à África para a aquisição de novos escravos e posterior venda nos Estados Unidos e na Europa. Por ser um homem branco, as discussões versam sobre o outro lado da história da escravidão e consequentes patriarcalismo e pós-colonialismo. Nossos resultados mostram Hamilton como um homem com posturas diversas diante de suas posições de capitão ou marido, o que indica outro lado do colonizador, não só aquele monstruoso usualmente percebido. Ainda, isto vem como uma metáfora do próprio imperialismo, que, apesar de toda a destruição, proporcionou a construção de laços antes imprevisíveis.

Palavras-chave


Colonizador; Imperialismo; Caryl Phillips; Colonizer; Imperialism; Caryl Phillips.

Texto completo:

Artigo_Pdf


Revista Cesumar – Ciências Humanas e Sociais Aplicadas
Unicesumar, Maringá (PR), Brasil
ISSN 2176-9176 On-line
Contato: naep@unicesumar.edu.br

ISSN 1516-2664 Versão impressa interrompido em 2019

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.