Adesão ao Tratamento Medicamentoso em Doenças não Transmissíveis: uma revisão

Janete Lane Amadei, Sonia Silva Marcon, Dennis Armando Bertolini

Resumo


Esta pesquisa tem como objetivo revisar a literatura vigente que versa sobre a adesão ao tratamento medicamentoso em doenças não transmissíveis. A revisão bibliográfica foi fundamentada em artigos científicos da base de dados The Scientific Electronic Library Online – SciELO, abrangendo o período de 22/9/2005 a 22/9/2010, utilizando os descritores “adesão ao tratamento”, “adesão ao tratamento medicamentoso”, “adherence” e “aderência ao tratamento”. Resultaram desta pesquisa vinte e oito artigos, dos quais foram excluídos doze por não se enquadrarem ao tema proposto. Para a apresentação dos principais achados, os artigos foram organizados em quatro categorias de estudo: revisão bibliográfica; estudos envolvendo cuidadores, familiares e prontuários de pacientes; estudos envolvendo portadores de diabetes e hipertensão e estudos envolvendo portadores de outras doenças crônicas não transmissíveis. Nos estudos analisados, os fatores que determinam a não adesão ao tratamento medicamentoso por portadores de doenças crônicas não transmissíveis é influenciada pelo tipo de tratamento proposto, características pessoais e qualidade do atendimento do serviço de saúde.

Palavras-chave


Adesão à Medicação; Uso de Medicamentos; Cooperação do Paciente; Recusa do Paciente ao Tratamento; Assistência de Saúde.

Texto completo:

PDF


Saúde e Pesquisa
Unicesumar, Maringá (PR), Brasil
ISSN 2176-9206 On-line
Contato: naep@unicesumar.edu.br

ISSN 1983-1870 Versão impressa interrompido em 2019

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.