Utilização da Ventilação Mecânica Não Invasiva no Pós-Operatório de Ressecção Pulmonar

Ana Isabela Morsch Passos, Letícia Baltieri, Fernanda Diório Masi Galhardo, Lígia dos Santos Roceto, Luciana Castilho Figueiredo, Ivan Felizardo Contrera Toro

Resumo


A ressecção pulmonar, principal terapêutica do câncer de pulmão, é associada com complicações que podem ser atenuadas pelo uso de ventilação mecânica não invasiva (VMNI). O objetivo foi investigar os efeitos do uso da VMNI associada à fisioterapia convencional em pacientes submetidos à ressecção pulmonar por neoplasia. Foram incluídos pacientes com neoplasia de pulmão, submetidos à lobectomia, bilobectomia ou pneumonectomia. No pré-operatório foram submetidos à avaliação e foram coletadas variáveis espirométricas, pressões respiratórias máximas (PImáx e PEmáx) e pico de fluxo expiratório (PFE); realizaram fisioterapia convencional e VMNI (por duas horas), modo Bilevel, do pós-operatório imediato (POi) ao segundo PO, em um total de cinco sessões. Mensuradas pressão arterial média e frequência cardíaca nos minutos 0, 5º, 10º, 15º, 30º, 45º, 90º e 120º após início do protocolo. Mensurados PImáx, PEmáx, PFE e ventilometria todos os dias de atendimento. No quinto PO foram reavaliados. Foram incluídos 12 pacientes com idade média de 58,91±9,52 anos. Houve diferença estatisticamente significante para CVF e VEF1, com queda dos valores do pré ao quinto pós-operatório. Também houve queda estatisticamente significante da PImáx, PEmáx e PFE do pré-operatório ao PO imediato, porém, com retorno aos valores prévios da PImáx e PEmáx no PO5. Na análise das variáveis hemodinâmicas durante a aplicação da VMNI nos diferentes tempos, foi observada variação dos valores dentro das faixas de normalidade. Conclui-se que o uso da VMNI no pós-operatório de ressecção pulmonar por neoplasia pode ser um recurso coadjuvante com boa evolução no tratamento destes pacientes, sem alterações hemodinâmicas importantes.

Palavras-chave


Neoplasias Pulmonares; Ventilação Mecânica; Fisioterapia; Espirometria

Texto completo:

PDF


Saúde e Pesquisa
Unicesumar, Maringá (PR), Brasil
ISSN 2176-9206 On-line
Contato: naep@unicesumar.edu.br

ISSN 1983-1870 Versão impressa interrompido em 2019

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.