Perfil Socioeconômico e Antropométrico de Candidatas a Cirurgia Bariátrica pelo Sistema Único de Saúde

Karina Quesada, Cláudia Rucco Penteado Detregiachi, Sandra Maria Barbalho, Maria Rita Marques Oliveira, Irineu Rasera, Eliege Carolina Vaz, Ricardo de Alvares Goulart

Resumo


RESUMO: A cirurgia bariátrica é considerada eficaz no controle e tratamento da obesidade grave, tendo como principais benefícios a melhora no perfil das comorbidades e consequente melhora na qualidade de vida. O objetivo deste estudo foi avaliar o perfil socioeconômico e antropométrico de obesas candidatas a cirurgia bariátrica. Foram estudadas cem pacientes do sexo feminino, com idade entre 20 e 45 anos, cadastradas pelo Sistema Único de Saúde. Entrevista individual foi realizada para a coleta dos dados. O índice de massa corporal foi calculado e classificado segundo a Sociedade Americana de Cirurgia Bariátrica. A classificação econômica foi estabelecida de acordo com a Associação Brasileira de Empresas de Pesquisa. A amostra apresentou média de idade de 33,3±6,0 anos. Os dados antropométricos apresentaram valores médios±DP de índice de massa corporal de 45,75±6,05Kg/m², prevalecendo o diagnóstico de obesidade mórbida (68%). Segundo a classificação econômica, a maioria das mulheres pertence à classe C. Das entrevistadas, 45% são casadas e 66% têm escolaridade igual ou superior ao ensino médio completo, sendo que os trabalhos domésticos representam a atividade de maior frequência (28%). Quanto ao início da obesidade, 38% desenvolveram na infância. A hipertensão arterial foi a comorbidade de maior predomínio (48%). Conclui-se que, a maioria das candidatas à cirurgia bariátrica, encontra-se casadas, sua principal atividade é cuidado doméstico, estão com IMC entre 40 e 50 kg/m2, tiveram o início da obesidade ainda na infância, apresenta o segundo grau completo e pertence à classe econômica C.

Palavras-chave


cirurgia bariátrica, obesidade, antropometria

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17765/2176-9206.2015v8n3p431-438

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os comentários


Saúde e Pesquisa
Unicesumar, Maringá (PR), Brasil
ISSN 2176-9206 On-line
Contato: naep@unicesumar.edu.br

ISSN 1983-1870 Versão impressa interrompido em 2019

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.