Tracoma: Atenção Prestada pelos Profissionais da Estratégia Saúde da Família em uma Área Endêmica

Mirella Cristina Bezerra de Melo, Tania Maria Lago Falcão, José Alexandre Menezes Silva, Tathiana Teles de Andrade Rocha, Antonio Reldismar de Andrade

Resumo


O objetivo deste estudo foi desvelar a percepção dos profissionais da Estratégia Saúde da Família (ESF) do município de Paranatama, Pernambuco, acerca do tracoma, relacionando-a com a atenção à saúde prestada para o controle desta patologia. Estudo descritivo exploratório de abordagem qualitativa e caráter fenomenológico, utilizando-se o método de análise de conteúdo de Bardin, na modalidade temática. Foram entrevistados nove profissionais do município. Os resultados deste estudo são referentes às categorias emergentes das análises, (des)conhecimento dos profissionais da ESF sobre o tracoma e fragilidade no repasse de informações pela gestão municipal, evidenciando a escassez de conhecimento sobre a doença e a fragilidade da comunicação referente à situação de saúde relacionada ao tracoma no município pesquisado, fatores estes que acabam por limitar a abordagem desta patologia pelas equipes de saúde.

Palavras-chave


Atenção Primária à Saúde; Atenção à Saúde; Estratégia Saúde da Família; Tracoma.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17765/2176-9206.2016v9n2p273-281

Saúde e Pesquisa
Unicesumar, Maringá (PR), Brasil
ISSN 2176-9206 On-line
Contato: naep@unicesumar.edu.br

ISSN 1983-1870 Versão impressa interrompido em 2019

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.