Perfil das Mães e Crianças Frequentadoras do Programa Clínica de Bebês, no Núcleo Integrado de Saúde NIS III – Iguaçu em Maringá - Pr

Marina de Lourdes Calvo Fracasso, Vanessa de Marchi, Suzana Goya, Maria Gisette Arias Provenzano, Karine Takahashi

Resumo


A Odontologia para bebês, visando os cuidados na primeira infância, tem como objetivo a promoção de saúde bucal. Sua meta principal é dar condições ideais para o correto desenvolvimento do sistema estomatognático da criança. O objetivo do trabalho foi delinear o Perfil das mães e das crianças atendidas na clinica de bebês no Nis III – Iguaçu em Maringá – PR. Para coleta de dados foram utilizados prontuários clínicos, selecionados aleatoriamente, referentes às crianças que ingressaram no programa entre os anos de 1998 a 2004. Os resultados, obtidos por porcentagem, demonstram que a maioria das mães encontra-se na faixa etária dos 21 aos 28 anos (52,5%) a maioria é casada (83,3%) possuindo apenas um filho (61,5%), com renda familiar entre 2 a 3 salários mínimos (40,4%). Com relação às crianças a maioria ainda estava sendo amamentadas no peito e 39,6% mamadeira com achocolatados e /ou farinhas misturado ao leite. O primeiro atendimento odontológico ocorreu entre 5 – 12 meses de idade. Decorridos nove anos da introdução da criança no atendimento odontológico 71,3% das crianças apresentavam-se livres de cárie. Podê-se concluir que o programa contribui para a manutenção da saúde bucal proporcionando uma melhor abordagem na educação e prevenção de cárie dentária, priorizando os usuários do sistema público de saúde.

Palavras-chave


Saúde Bucal; Prevenção; Bebê; Saúde Pública; Oral Health; Prevention; Babies; Public Health.

Texto completo:

Artigo_Pdf


Saúde e Pesquisa
Unicesumar, Maringá (PR), Brasil
ISSN 2176-9206 On-line
Contato: naep@unicesumar.edu.br

ISSN 1983-1870 Versão impressa interrompido em 2019

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.