Comentários do leitor

Página Inicial

por João Rafael Pires (2018-06-16)


estantesNavegando pela internet, encontrei esse tutorial para fazer uma estante em miniatura. Cajun Engenharia, no bairro Itararé, está recebendo a caixa-estante desde abril e a educadora social Nayara Girelli foi só elogios ao projeto. "A partir dos vários livros e revistas disponibilizados, cada educando pode criar sua identidade literária. As crianças podem se reconhecer e reconhecer outro e assim entender melhor mundo em que vivem".

A identificação com os personagens abre a relação mais íntima com as HQs. Basta pegarmos exemplo da Turma da Mônica: a espontaneidade de cada um, as características físicas que os aproximam dos pequenos, as falas. Os gibis também ajudam no processo de socialização, já que, por conta do seu texto leve e descontraído, ele passa a ser uma forma de entretenimento entre as crianças. Elas se reúnem para conversar sobre a história, brincam usando como referência os personagens e acabam estimulando umas às outras a lerem mais obras. Sabe aquela febre de seriado que nós, adultos, temos? mesmo efeito pode ser visto nos gibis - que são um excelente ponto de partida para a alfabetização.

Colecionador de livros e objetos de viagem? Há coisas que tem tanto valor sentimental que não podem ficar guardados em caixas. Uma boa opção para torná-los parte da decoração é expor em prateleiras ou em uma estante de ferro, com a vantagem que a estante não precisa de buracos na parede. Basta encontrar um lugarzinho pra ela e pronto. Disponha nas prateleiras da estante ferro objetos que tragam boas lembranças e terá não apenas um ambiente bem decorado, mas interessante e cheio de histórias para contar para seus amigos que visitarem sua casa.

Sabe, eu não me considero muito um colecionador de HQ. Porque não sou tão cuidadoso com meus gibis. Eu me considero mais um entusiasta da nona arte porque, ao fim e ao cabo, esse processo não fica só no ato de empilhar e guardar revistas em quadrinhos. Eu reflito sobre eles, estudo eles, dou aula sobre eles, escrevo sobre eles, discuto eles, então acho que nesse caso termo colecionador acaba ficando muito reducionista.

Eu mesma, um dia desses, acabei me aventurando no sebo Estante Virtual em busca do primeiro volume de Em Busca do Tempo Perdido, de Marcel Proust, na coleção da Editora Globo traduzida por grandes poetas brasileiros. Já tinha lido livro, mas ele era de uma edição diferente e não ornava com os demais volumes na estante.

Se você for um colecionador, a estante pode te ajudar a organizar e expor suas coleções, dependendo do tamanho do que você coleciona, é claro! Você mesmo pode montar sua estante, para isso basta comprar nichos de madeira dos tamanhos que você quiser. Você pode pregá-los na parede ou apenas dispô-los uns sobre os outros.

Minhas dicas principais são: sites de peso voltados para HQs, como Universo HQ; sites de comparação de preços; sites de editoras; pesquisas profundas sobre promoções; leitura de críticas feitas por gente que conhece muito; Guia dos Quadrinhos, pra organizar direitinho cada coleção e saber que já saiu e que está prestes a chegar; espaço, bom e limpo espaço para guardar os gibis.

Peça quase onipresente nas casas brasileiras, a estante pode ter funções que vão muito além de mero espaço para comportar livros ou suvenires. Com um pouco de criatividade e algum investimento, é possível transformar móvel em um dos destaques da decoração de salas, escritórios e outros espaços.

estantesPara que as revistas fiquem com um bom nível de preservação a médio-longo prazo é preciso deixar que papel respire. Para tanto a cada três meses folheie todas as revistas de sua coleção ( que pode se tornar trabalhoso em coleções maiores). Não use durex, pois, com tempo ele fica amarelado, seco e quebradiço, perdendo sua eficiência. Além disso, escurece local da aplicação.

Note nas fotos abaixo que ao lado dele tem uma prateleira mais básica e normal. Uso ela para guardar algumas outras coisas que ficam bacanas expostas na sala. Mas estas prateleiras não são muito práticas em suas partes inferiores. Não é uma boa guardar revistas, DVDs, BDs, livros e similares nas partes de baixo, porque ficam mais próximas ao chão e com isso acumulam muito mais sujeira, quem tem cachorro ou criança pequena sempre tem risco de deles pegarem e detonarem que estiver nessa parte de baixo e é por isso que optei por um móvel com gavetas na parte inferior, que chama menos a atenção e protege melhor os itens que estejam na parte debaixo do móvel.

Com tudo isso, chegamos ao ponto crucial da matéria. que é melhor? Comprar estantes colecionador prontas, moduladas, ou fazer um móvel planejado? móvel planejado é mais caro de todos, mas também é a melhor opção de todas. Se a pessoa pode gastar um pouco mais, possui um bom arquiteto de interiores para projetar um móvel com soluções satisfatórias que atenda sua demanda, e conhece um bom marceneiro: terá melhor móvel para guardar sua coleção de quadrinhos. E isso vale para os quadrinhos, para os discos de vinil, para uma cozinha, quarto, ou salas planejadas.