Comentários do leitor

Silvana Oliveira . Cientifique

por Pietro Gomes (2018-06-17)


O laser e a LIP (iluminação intensa pulsada), são capazes de ser usadas no tratamento do melasma. O tratamento consiste primeiramente em oito sessões com intervalos quinzenais até o clareamento da pele e assim, sessões de manutenção. Os peelings podem ser usados no tratamento do melasma. Sua frequência deve ser de quinze em quinze dias e um número mínimo de seis a dez sessões é necessário.

melasmaEle age emitindo pulsos de luz ultra rápidos. A energia é absorvida pelos melanócitos que são aos poucos destruídos pelo laser. Depois da aplicação o paciente poderá retornar as suas atividades do dia-a-dia. O exercício de uma baixa fluência do laser Q Switched Nd: YAG associado ao tratamento tópico, produz bons resultados. Em geral a terapia consiste numa liga de recursos. O tratamento do melasma é um estímulo que as recorrências são frequentes. Por meio da 5ª aplicação prontamente se poderá perceber a melhoria. O tratamento é rapidamente, em média dez minutos, indolor e com poucos efeitos colaterais.

Aplique uma camada fina pra cobrir as manchas e mais 0,cinco centímetro de pele normal em volta da mancha. Enxágue e enxugue a pele. Ícone de linkCadeado representando um hiperlink Copiar link Ícone fechar Lave o rosto com um higienizador suave (não use esponja). Coloque uma pequena quantidade (em torno de o tamanho de uma ervilha) de Triderm na ponta dos dedos. Espalhe o creme suavemente e de maneira uniforme. Aplique Triderm à noite, no mínimo trinta minutos antes de deitar. Após qualquer tempo de tratamento, você conseguirá notar que vai ter de pôr uma quantidade um tanto pequeno de medicação.

Teu tratamento, apesar de árduo, produz bons resultados quando bem executado. O melasma atinge mais comumente a testa, as bochechas, o nariz e logo acima dos lábios, contudo podes afetar a face toda, o colo e até mesmo a divisão externa dos braços. 7 - Tirar e finalizar com Solar Hidra Active FPS trinta ou Hidra Milk FPS trinta Buona Vita
Tratamentos a laser poderá ser utilizados pra remover pigmentos escuros se a dificuldade for dramático
Remover ao acordar
4 morangos orgânicos
um >O Que Leva ao Melasma
Ingestão de frutas cítricas, ricas em vitamina C, que potencializa a absorção do colágeno Melasma é uma mancha escura na face que detém inúmeras causas e com respeitável prejuízo na autoestima. Melasma é um distúrbio da pigmentação, com a formação de manchas escuras que variam entre inmensuráveis tons de marrom, por exagero de melanina, o pigmento da pele.

Existem abundantes tratamentos para a doença: fitoterápicos, vitaminas, ácido tranexâmico, peelings, clareadores temas, luz intensa pulsada e o mais novo tratamento montado: o tratamento a laser com baixa energia. Um tratamento recente no mercado é o laser com liberação de baixa energia: o Nd:Yag Q-Switched. Outros lasers costumam agir liberando calor e como o melasma pode ser intensificado com a energia térmica, diversos lasers agiam de modo ineficiente podendo inclusive piorar o quadro (conhecido como efeito "rebote"). O quê precisamos aguardar dos tratamentos para melasma? O melasma é considerado uma doença crônica, com períodos de melhoria e períodos de piora. Não obstante, na maioria dos casos a possibilidade é boa. O laser Nd:Yag Q-Switched, de baixa liberação energética, age a começar por um efeito fotoacústico, com mínima liberação de energia térmica, dessa forma mais seguro no tratamento do melasma. Por se desenvolve de modo lenta, você deve ter paciência, uma vez que o clareamento assim como tende a ser vagaroso.

Os Peeling, são efetuados em etapas, pra impedir o desconforto do ardor e da descamação. Alguns trabalhos sugerem a conexão do aparecimento do melasma com doenças da tiróide essencialmente aquelas auto imunes. Existem tratamentos que são capazes de clareá-lo de modo efetiva. Outros, demonstraram a elevação sérica do hormônio luteotrófico (LH) , sugerindo conexão com qualquer grau de hiperandrogenismo. Pela farmácia, procure séruns que levam ácido kójico, ácido fítico, arbutin, hidroquinona e vitamina C, bons coadjuvantes no clareamento. Estes consistem em uma rotina de clareadores em casa e Peelings superficiais progressivos, os quais são aplicados no Intituto Alice’s Na atualidade, a Decapagem Biológica em conjunto com antioxidantes e vitaminas, vem sendo utilizado no tratamento do melasma. "A união de ácido retinoico, hidroquinona e corticoide ainda é o padrão-ouro para o tratamento de manchas, no entanto requer uma receita médica", diz Flávia. Os níveis do hormônio melanotrófico também não apresentam transformações nos pacientes com melasma. "Algumas pílulas são úteis na precaução e no controle de manchas, que fornecem ativos antioxidantes e fotoprotetores, como o Polypodium leucotomos, picnogenol, betacaroteno, luteína e licopeno", diz Flávia. Dosagens séricas destes hormônios em mulheres com melasma são normais e idênticas aquelas do grupo controle. Use diariamente ou antes e ao longo do tempo de exibição, conforme a indicação.