Comentários do leitor

Blog Do Colecionador Burohaus

por Leonardo Farias (2018-06-09)


estantesColecionador de livros e objetos de viagem? Há coisas que tem tanto valor sentimental que não podem ficar guardados em caixas. Uma boa opção para torná-los parte da decoração é expor em prateleiras ou em uma estante de ferro, com a vantagem que a estante para miniaturas de carros não precisa de buracos na parede. Basta encontrar um lugarzinho pra ela e pronto. Disponha nas prateleiras da estante ferro objetos que tragam boas lembranças e terá não apenas um ambiente bem decorado, mas interessante e cheio de histórias para contar para seus amigos que visitarem sua casa.

Por causa da catalogação no Guia dos Quadrinhos, tenho dado prioridade às edições brasileiras. Mas tenho muita coisa gringa sim. Da França, Argentina, Uruguai, Portugal, Inglaterra, Dinamarca, Rússia, Cuba, Peru. As pessoas costumam me trazer quadrinhos dos países que visitam e eu adoro receber esses presentes, é legal para entender como essa cultura dos quadrinhos funciona por lá.

Sabe, eu não me considero muito um colecionador de HQ. Porque não sou tão cuidadoso com meus gibis. Eu me considero mais um entusiasta da nona arte porque, ao fim e ao cabo, esse processo não fica só no ato de empilhar e guardar revistas em quadrinhos. Eu reflito sobre eles, estudo eles, dou aula sobre eles, escrevo sobre eles, discuto eles, então acho que nesse caso termo colecionador acaba ficando muito reducionista.

clássico de Himoru Arakawa também aparece na lista dos mais comprados. Foi 2º mangá mais vendido na Estante Virtual em setembro, 34º título na lista geral de quadrinhos. recente relançamento do mangá deve ter contribuído para isso, já que mais pessoas devem estar se desfazendo das edições antigas para comprar a nova, enquanto pessoas que não querem a nova versão (ou mesmo não sabem que existe uma nova) devem estar começando a adquirir a antiga.

Um dos meus passeios preferidos é ir até as livrarias da cidade xeretar as estantes. Gato Preto, lançado originalmente em 1843 em uma revista semanal, é um dos, tantos conhecidos, contos do autor que envolverão situações macabras e misteriosas. A Martin Claret resolveu apostar pela primeira vez, no formato de quadrinhos e nada melhor do que começar ilustrando uma história que envolva os sentimentos sombrios da natureza humana. Através das ilustrações de Diogo Henrique e Hugo Matsubayashi abriremos a carta do narrador, ele que narra sua própria história, desde a infância conturbada até a vida adulta. narrador conta que sempre prezou os animais e acabou se casando com uma mulher que os admirava tanto quanto seu marido.

Espero que (assim como disse ao Alexandre acima) vc encontre a melhor solução para a exposição. Nós colecionadores, em geral, somos muito exigentes com essa questão da exposição. Quando encontrar uma solução compartilhe para que seja mais uma ideia.

Sendo assim, a qualidade é a marca registrada deste colecionador, ele busca por jogos bons que ele vai gostar, porem ele possui uma peculiaridade, ele costuma comprar versões limitadas do seus jogos favoritos, edições normalmente caras, mas que para ele seria a melhor forma de expressar que sente por seus jogos favoritos, este tipo de colecionador não admite jogos loose ( ou seja incompletos), jogos gretets hits ou jogos em péssimas condições físicas(tais características também são seguidas por todos outros colecionadores a seguir exceto consumista) E um tipo bem comum de colecionador até porque ele procura sempre estar com bons jogos para jogar.

Mas ok, você não quer pensar em quantos carrinhos vão caber em sua estante, até porque existe a opção de acondicioná-las em caixas e outros lugares… Você está certo, pode ser que não seja momento de pensar sobre isso, mas uma coisa você deve saber: Miniaturas que pegam pó estragam com passar do tempo, portanto prefira prateleiras ou expositores fechados, que também ajudam a proteger de mãos" indesejadas.

lançamento mais empolgante da semana, é mesmo Y - Último Homem #9 (Panini, 22,90), penúltimo volume da história da Vertigo que mostra um mundo onde os homens foram extintos em uma hecatombe. Brian K. Vaughan e Pia Guerra fizeram uma das melhores séries do selo nos últimos anos, simplesmente porque sempre tiveram uma ideia clara de início, meio e fim. Isso anda fazendo muita diferença hoje em dia.

estante para vinilÉ com satisfação que a Livraria Cultura anuncia a compra da plataforma online Estante Virtual, líder em marketplace de livros na América Latina. A aquisição desta empresa de e-commerce, com 4 milhões de clientes cadastrados e 17,5 milhões de livros vendidos, vem ao encontro do atual movimento de expansão da Livraria Cultura, iniciado com a aquisição da Fnac no Brasil, em julho de 2017.

Funcionário público da UFPB, potiguar Alex de Souza está fazendo mestrado onde objeto de estudo gira em torno da presença do jornalista nas HQs e da novela gráfica inglesa Transmetropolitan - lembre-se que Superman e Homem Aranha são da área de comunicaçção, sem falar nos personagens coadjuvantes", disse.