Comentários do leitor

Jornal Nacional

por Mariana Rezende (2018-07-12)


Os elevadores residenciais são, em sua maioria, ou elétricos (também chamados de eletromecânicos) ou hidráulicos. Estes últimos só dependem de energia elétrica para subir, não para descer, pois descem movidos pela força da gravidade. Desse modo, em caso de falta de energia elétrica, passageiro não fica preso.

elevadores residenciais em guarapuavaOs elevadores residenciais em maringá para deficientes físicos da Portac têm como principais vantagens a redução dos gastos com energia e também a facilitação no processo de instalação do projeto. Além disso, é um produto extremamente seguro, feito com materiais de qualidade e sistemas hidráulicos que apresentam diversas soluções para dia a dia de quem necessita de cuidados diferenciados.

Os sistemas de comando das plataformas elevatórias BD podem ser utilizados por todas as pessoas com mobilidade condicionada ou reduzida, incluíndo pessoas com deficiência visual. Inicialmente pode-se instalar qualquer modelo de elevador em residências: Elevadores de passageiros, panorâmico, panorâmico especial, monta-cargas, etc., desde que se tenham as condições técnicas para isto (rede elétrica trifásica e poço de 1,20m, entre outras). Porém existe, na legislação, uma categoria de elevador exclusiva para uso residencial, denominada Elevador Unifamiliar". São elevadores para atender uma única família, regidos pela ABNT NBR 12892 de 18 de maio de 2009, que permite algumas concessões específicas para estes elevadores.

Na MC Elevadores, nossos equipamentos têm qualidade comprovada e assegurada. Efetuamos testes em nossa fábrica com intuito de manter alto padrão de qualidade que nos consolidou entre as principais referências de fabricantes de plataforma para deficientes.

3: Elevadores de passageiros convencionais também possuem requisitos de acessibilidade. A instalação de um produto qualquer não garante atendimento às exigências apresentadas pelos órgãos fiscalizadores. A norma que define essas características (ABNT NM 313) é extremamente detalhada. Exige design com contraste de cores, capacidade de carga, dimensão mínima da cabine, dispositivos mais sofisticados na interface, como sinalização sonora com voz, indicadores de pavimentos e sensores.

trilho guia de um elevador doméstico para deficientes serve também como suporte para a casa de máquina, e sua fixação é feita com buchas e parafusos convencionais, em uma parede comum. espaço ocupado por um elevador doméstico para deficientes é mínimo, e ainda sim conta com dimensões internas de 80cm x 116cm.

A Associação Florianopolitana de Deficientes Físicos (Aflodef) diz que ainda há um caminho extenso para garantir direito de ir e vir, a igualdade de oportunidades e a independência do deficiente físico, a começar no transporte público, tema desta reportagem.

As plataformas e medidas dos espaços da caixa de corrida descritas nesta página são apropriados para utilização normalmente em residências unifamiliares e os equipamentos das fotografias não estão homologados para uso com cadeiras de rodas porque a área da cabine não está dentro do que exige a norma NBR 15.655-1.

Além de fatores como conforto, respeito e segurança, a plataforma elevatória para deficientes preço é um equipamento que permite ao deficiente físico ter plena condição para se divertir em alguns tipos de estabelecimentos sem depender de outras pessoas.

É muito comum a presença dos elevadores no cotidiano, especialmente quando se precisa acessar um andar de um edifício residencial ou comercial. No entanto, poucas pessoas ainda estão familiarizadas com a possibilidade de utilizar um elevador residencial. E as que estão familiarizadas, talvez pensem que se trata de um item de luxo inviável para a família.

Conforme a CCR, todos os funcionários das estações estão aptos a auxiliar deficientes e passageiros com dificuldades de locomoção. Segundo a empresa, tanto as novas estações da linha 1 quanto as da linha 2 contarão com equipamentos de acessibilidade.

Com aumento da expectativa de vida da população e os termos acessibilidade e inclusão em alta, a procura por elevadores residenciais cresceu enormemente pois são uma ótima opção em lares onde um dos ocupantes precisa se locomover com mais facilidade e as escadas tornam-se um obstáculo à livre circulação.

ambiente é campo de trocas cotidiana, cenário de vidas, estímulo complexo com aspectos confuso e subjetivo e por isso, são necessários estudos para que ser humano possa aproveitar melhor meio ambiente, não degradando tanto e permitindo que outras gerações usufruam desse espaço. Segundo Pinheiro (1997), a Psicologia Ambiental se interessa por compreender a interação do homem com seu ambiente para desenvolver estratégias e ferramentas de aplicação e intervenção que contribuam para a mudança dessa relação de forma mais consciente.

José Roberto Leal, Zezinho, que está à frente da Aflodef, briga há anos pela igualdade de direitos dos deficientes físicos em Florianópolis. Viu os primeiros ônibus adaptados aparecerem, mas ainda questiona as linhas e horários, e a possibilidade de cadeirante usar também serviço diferenciado do amarelinho.