Comentários do leitor

Mala Para Viagem

por Theo Monteiro (2018-06-24)


comprar mala de viagemque vai levar nessa mala? Essa é a pergunta, já que a policarbonato ou fibra (aquele material rígido) não amassa as roupas e protege bem que está dentro, no entanto caso se rompa não há conserto. Já poliéster e algodão, apesar de ser um pouco menos resistente e amassar roupas são mais leves e ocupam mais espaço.

Outro fator a ser considerado é a qualidade e durabilidade do material. Neste caso, geralmente há impacto no preço. Um bom cadeado deve ser resistente a capaz de aguentar uma ou outra tentativa de violação, e informar, na embalagem, a quais tipos de níveis de pressão é capaz de aguentar.

Não é preciso dizer que a rígida é a mais pesada de todas e, dependendo do tipo de viagem, pode não ser uma boa opção. Outra desvantagem das malas rígidas é poderem ficar riscadas mais facilmente. Mas a tecnologia tem avançado muito, e já existem malas rígidas bem mais leves, embora preço seja mais elevado.

Agora que você já sabe tudo sobre onde comprar malas em Berlim, uma dica importantíssima que reforçamos para todos que estão planejando ir à qualquer país da Europa é que não se esqueça que fazer um Seguro Viagem Internacional é obrigatório para viajar para lá. Veja nossa matéria de Seguro Viagem para Europa com tudo que você precisa saber sobre assunto, quais são os melhores seguros e dicas para fazer um excelente seguro por um preço incrível economizando muito.

7. Se sua viagem tem como objetivo de fazer compras, ideal é não lotar as malas, pois sabe muito bem que voltará com muita novidade e obviamente não quer ficar pagando por excesso de bagagens, nesse caso uma balança ajudará na hora de fazer as malas no retorno.

Todas as malas durarão mais tempo se-lhes dispensar regularmente alguns cuidados. A escolha da mala ideal para viagem pode parecer um assunto clichê, mas a verdade é que esse item faz uma diferença e tanto no momento da viagem. Sim, a mala será sua companheira em pelo menos duas situações importantes: a hora do embarque, e a hora da chegada no destino escolhido para seu intercâmbio. Afinal, em muitos casos, é você mesmo quem vai carregar a sua mala ao chegar no aeroporto, nas estações de trem ou pontos de ônibus.

Se vai viajar de avião mas está a pensar em ficar pouco tempo, então talvez não valha a pena levar mala no porão. Se conseguir levar tudo na mala de mão que vai consigo na cabina (cuidado com os limites), as malas de viagem mais pequenas serão a escolha ideal para si.

Geralmente feitas de plástico ABS rígido ou similar. Este modelo é indicado para viagens de longa duração, pois as malas rígidas não amassam as roupas e protegem muito bem os objetos guardados nela. Não é indicado para roteiros com diversos destinos, como, por exemplo, visitas a varias cidades de um país, pois seu transporte é difícil e ocupa espaço. Modelos com rodinhas são as mais práticas e podem ser encontradas em tamanhos pequenos, médios e grandes.

Grande parte das queimas de estoques atuais está indo parar na rede mundial de computadores. Os comerciantes já estão convencidos de que esta é a melhor forma de vender dezenas de produtos em apenas algumas horas. As entregas são realizadas para todo Brasil. Neste sentido, lojas virtuais disputam acirradamente para oferecer os melhores preços e condições de pagamento. Quem ganha com isso são os consumidores que encontram variedades não só de coleções como também de preços.

Ao comprar bagagens verifique trançado do tecido, as costuras, a qualidade e resistência dos zíperes. Verifique também se há camadas impermeáveis na bagagem, protegendo-a de chuvas e situações onde interior pode ser danificado. mochila para notebook com rodinhas materiais mais duros, é importante que você verifique a resistência e principalmente, se material não fica marcado com impactos. Bagagens sofrem bastante durante viagens e a resistência de uma mala é essencial para uma bagagem de qualidade. Pontos de fixação de alças e zíperes tem que ser reforçados para não rasgar quando sob estresse.

Malas muito flexíveis podem ser atrativas, pois são mais leves e adaptam-se melhor quando é preciso encaixar aquela camisola de último minuto, mas se forem demasiado finas, também podem rasgar-se com facilidade ou até deixar passar a água da chuva, por exemplo. As malas muito rígidas têm a desvantagem de serem mais pesadas e até de se danificarem facilmente com transporte, por ficarem bastante riscadas e com ar desgastado. ideal é optar por uma mala semiflexível, isto é, uma mala que se apresente leve e adaptável, mas que mostre rigidez suficiente para não se rasgar na primeira utilização.

Estou planejando uma viagem pra NZ, pretendo ficar lá 5 meses. Tenho grande dúvida que tipo de mala levar: a rígida, a de tecido e uma outra sem estrutura, todas com 4 rodinhas (claro). Achei a de tecido muito pesada e já estou descartando. A rígida me agradou mas tem gente falando que ela pode quebrar fácil pois os funcionário jogam as malas de qualquer jeito e a sem estrutura é mais leve mas estou com medo de ela rasgar fácil ou quebrar alguma peça. Não pretendo levar nenhum objeto que quebre dentro da mala e meus eletrônicos irão na bagagem de mão.