VARIABILIDADE ESPAÇO-TEMPORAL DE PARÂMETROS DE QUALIDADE DA ÁGUA AO LONGO DE SEÇÃO DE MONITORAMENTO DO RIO IGUAÇU

Vanessa Daneluz Gonçalves, Cristovão Vicente Scapulatempo Fernandes

Resumo


As NBRs nº 9.897 (ABNT, 1987a) e nº 9.898 (ABNT, 1987b) auxiliam no monitoramento de recursos hídricos de modo a sugerir a localização e o número de postos amostrais, inclusive aqueles ao longo de uma seção transversal do rio que variam conforme a sua largura e profundidade. Contudo, diante da complexidade e dos recursos necessários à prática de monitoramento de rios, é comum sacrificar tal amostragem para fazê-la de uma margem do rio. Para verificar o grau de influência do local de amostragem, avaliou-se neste trabalho a variação de concentrações de parâmetros de qualidade da água ao longo de uma seção transversal de rio, em diferentes condições hidrológicas. Para tanto, foram monitorados cinco pontos amostrais distribuídos ao longo da seção de estudo. Concluiu-se que houve elevada dispersão ao longo da seção de rio quanto aos parâmetros orgânicos, e uma tendência particular de distribuição gradual da concentração para cada parâmetro de DBO e DQO. Contudo, a Análise de Variância permite afirmar que não houve diferenças significativas entre os pontos amostrais. Com base no exposto, não houve impactos negativos à gestão de recursos hídricos decorrentes de informações de qualidade da água amostradas às margens do rio. Assim, para este estudo de caso, o número de pontos amostrais sugerido pela norma supracitada pode ser simplificado em um único ponto na seção de monitoramento.

Palavras-chave


Análise de variância; DBO; Dispersão amostral.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17765/2176-9168.2017v10n2p533-553

Revista em Agronegócio e Meio Ambiente
Unicesumar, Maringá (PR), Brasil
Contato: naep@unicesumar.edu.br
ISSN 1981-9951 Impressa
ISSN 2176-9168 On-line

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.