ESTRATÉGIA DE PRODUÇÃO: UMA ABORDAGEM SOBRE SUA OPERACIONALIZAÇÃO EM PROPRIEDADES RURAIS PRODUTORAS DE SOJA

Camyla Piran Leitner Stiegler, Adelice Minetto Sznitowski

Resumo


O processo de planejamento da estratégia de produção compreende certos níveis de planejamento. De ordem macro para micro tem-se em primeiro plano a estratégia corporativa; dela faz parte a estratégia competitiva que abrange as prioridades competitivas. A partir das prioridades competitivas, juntamente às decisões estruturais e infraestruturais, forma-se a estratégia de produção. Foi com foco nesse nível de decisão que o estudo se desenvolveu tendo como objeto produtores de soja do município de Campo Novo do Parecis-MT. Para isso foi realizada pesquisa de campo com aplicação de questionários aos produtores rurais acerca da relevância das decisões estruturais e infraestruturais para o planejamento de safra. No estudo buscou-se: a) identificar o perfil das propriedades rurais b) verificar quais são as decisões adotadas pelos produtores e c) elencar os tipos de decisões considerando as decisões estruturais e as decisões infraestruturais para os produtores de soja. Os resultados encontrados evidenciam que todos os agricultores, em seu processo decisório da função produção, levam em conta os fatores estruturais e infraestruturais, sendo possível verificar que as decisões quanto às tecnologias são as mais relevantes nos fatores estruturais e, gestão da qualidade, planejamento e controle da produção e organização se destacam nas decisões infraestruturais.

Palavras-chave


Produção agrícola; Decisões estruturais e infraestruturais; Gestão de operações

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17765/2176-9168.2018v11n1p117-142

Revista em Agronegócio e Meio Ambiente
Unicesumar, Maringá (PR), Brasil
Contato: naep@unicesumar.edu.br
ISSN 1981-9951 Impressa
ISSN 2176-9168 On-line

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.