<b>Do Reconhecimento dos Direitos dos Transexuais como um dos Direitos da Personalidade

  • Valéria Silva Galdino Cardin UniCesumar - Centro Universitário UniCesumar
  • Fernanda Moreira Benvenuto UniCesumar - Centro Universitário Cesumar
Palavras-chave: Transexual, Direitos da Personalidade, Reconhecimento

Resumo

Nesta pesquisa analisa-se a transexualidade, que consiste em uma disforia de gênero. O transexual é caracterizado pelo desejo de readequar o seu sexo anatômico em conformidade com o seu sexo psicossocial. Os princípios da dignidade da pessoa humana, da autonomia da vontade, da igualdade e da liberdade é que fundamentam o livre exercício da identidade de gênero do indivíduo transexual que não se enquadra no padrão social heteronormativo e a readequação sexual deste, garantindo seu reconhecimento e sua inclusão na sociedade como meio de efetivação dos direitos e garantias individuais. Desta forma, os direitos da personalidade do transexual são infringidos quando da negativa da readequação sexual e da mudança do nome e da identidade sexual no registro civil. Conclui-se que a efetivação dos direitos da personalidade dos transexuais só ocorrerá quando houver uma regulamentação que venha tutelar as consequências da readequação sexual deles, permitindo, assim, um tratamento igualitário, vedando quaisquer formas de discriminação e vitimização e um reconhecimento pelas instituições sociais.

Biografia do Autor

Valéria Silva Galdino Cardin, UniCesumar - Centro Universitário UniCesumar
P
Fernanda Moreira Benvenuto, UniCesumar - Centro Universitário Cesumar
Cartorária em Maringá - PR, (2ª Vara de Família, Sucessões e Acidente de Trabalho); Mestranda do Programa de Pós-Graduação em Ciências Jurídicas Mestrado com ênfase em Direitos da Personalidade no Centro Universitário UniCesumar; Especialista em Direito de Família à luz da Responsabilidade Civil pela Universidade Estadual de Londrina – UEL. E-mail: fernanda_benvenuto@hotmail.com
Seção
Doutrinas