Aplicação do Ciclo PDCA (PLAN, DO, CHECK, ACTION) no Rendimento de Farinha de Sangue em uma Indústria Frigorífica

Alexandre Souza Moser, Letícia Rodrigues Parrilha, Daniel Mantovani, David Fernando Ramos, Agenor Maccari Junior

Resumo


O aproveitamento do sangue bovino e de suas frações é interessante pelas propriedades funcionais e nutricionais de suas proteínas e para diminuir a poluição ambiental. Sob o ponto de vista econômico, poderia ser interessante para a obtenção de insumos de maior valor agregado. Este trabalho apresenta a aplicação do ciclo PDCA para aumentar o rendimento da farinha de sangue em uma indústria frigorífica no estado do Paraná. A empresa tinha um rendimento médio de 1,87Kg de farinha de sangue por animal abatido nos primeiros 4 meses do ano. Com a aplicação do ciclo PDCA de acordo com a metodologia de Campos (1999), a empresa aumentou seu rendimento para 2,33Kg de farinha por animal abatido no mês de Maio, indicando que a metodologia foi eficaz para atingir os objetivos da empresa e que se a mesma continuar sendo aplicada pode trazer mais benefícios para a empresa.

Palavras-chave


Ferramentas da Qualidade; Gestão da Qualidade; Subproduto Bovino.

Texto completo:

Artigo_PDF


Revista em Agronegócio e Meio Ambiente


Unicesumar, Maringá (PR), Brasil
Contato: naep@unicesumar.edu.br
ISSN 2176-9168 On-line
ISSN 1981-9951 Versão impressa interrompida em 2019

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.