Prótese Adesiva: Alternativa Reabilitadora no Serviço Público Odontológico

Carolina Carramilo Raposo, Mayra Moura Franco, Adriana de Fátima Vasconcelos Pereira, Darlon Martins Lima, Ivone Lima Santana

Resumo


A ausência de um ou mais elementos dentais é um problema de extrema relevância diante das consequências na mastigação, fonação, estética e, sobretudo, pelo seu alto impacto na qualidade de vida em termos de desconforto físico, psicológico e social. Nesse contexto, o profissional do serviço público deve compreender os anseios da comunidade para fornecer um tratamento reabilitador eficiente, dentro das condições de trabalho disponibilizadas. O objetivo deste trabalho é relatar o caso clínico de um paciente do sexo masculino, 13 anos, com ausência dos elementos dentais 11 e 12, decorrente de traumatismo dentário. Optou-se pela reabilitação com prótese adesiva direta e pônticos confeccionados em resina composta associada à fibra de reforço. Foi realizada plástica dentária do dente 21. O tratamento instituído possibilitou o restabelecimento da função e a estética, assim como a inclusão social do paciente, devolvendo-lhe autoestima e qualidade de vida. A prótese adesiva associada à fibra de reforço representa uma alternativa reabilitadora de baixo custo, conservadora, que promove resultados estético-funcionais satisfatórios, mesmo diante das limitações do serviço público.

Palavras-chave


Saúde Pública; Assistência Odontológica; Reabilitação Bucal; Prótese Adesiva; Resinas Compostas

Texto completo:

PDF


Saúde e Pesquisa
Unicesumar, Maringá (PR), Brasil
ISSN 2176-9206 On-line
Contato: naep@unicesumar.edu.br

ISSN 1983-1870 Versão impressa interrompido em 2019

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.