ATIVIDADES LÚDICAS COMO ESTRATÉGIA PARA A PROMOÇÃO DA SAÚDE BUCAL INFANTIL

Ana Lídia Soares Cota, Bárbara Jéssica de Assunção Costa

Resumo


As ações de promoção de saúde bucal, particularmente as direcionadas ao público infantil, devem ser acionadas por meio de ferramentas que tornem o processo de aprendizagem mais dinâmico e de fácil compreensão. Assim, este trabalho visa relatar a importância da utilização do lúdico como estratégia para promoção da saúde bucal infantil. A escolha de um recurso ou da associação de diferentes estratégias lúdicas, como jogos educativos, teatro, música e exposição de macromodelos, deve ser feita de forma racional e considerando não apenas as preferências e habilidades do profissional, mas, sobretudo, a adequação dos temas, regras e ações da atividade à idade e ao nível cognitivo e motor de desenvolvimento da criança. O importante é as informações serem reforçadas e transmitidas de forma simples e envolvente para que os participantes tenham o raciocínio e a criatividade estimulados e a oportunidade de interagir de modo harmoniosa, inclusivo e feliz.

Palavras-chave


Ludoterapia; Promoção da Saúde; Saúde Bucal.

Texto completo:

PDF

Referências


AGUIAR, S. M. H. C. Á.; SANTOS, M. J. P.; SILVA, V. C. A música associada às necessidades terapêuticas de Pacientes com Deficiência. Revista Ciência em Extensão, São Paulo, v. 6, n. 2, p. 123–131, 2010.

ANTÔNIO, L. P. et al. Avaliação de diferentes métodos educativos em saúde bucal em crianças na faixa etária de 7 a 10 anos de idade. Revista da Faculdade de Odontologia, Rio Grande do Sul, v. 20, n. 1, p. 52–58, 2015.

ARAUJO, A. G. DE; CARVALHO, W. S. DE. Avaliação da efetividade da higiene bucal das crianças do lar padre vita de Pindamonhangaba - sp. 2012. 26f. Tese (Graduação em Odontologia) – Faculdade De Pindamonhangaba, São Paulo, 2012.

BARRETO, R.A. O lúdico em odontopediatria: contribuições psicológicas. In: MARIA SALETE NAHÁS PIRES CORRÊA. Conduta Clínica e Psicológica na Odontopediatria. São Paulo: Santos, 2013.

BATISTA, D. A.; DIAS, C. L. O processo de ensino e de aprendizagem através dos jogos educativos no ensino fundamental. Revista Colloquium Humanarum, São Paulo, vol. 9, n. Especial, p. 975-982, 2012.

BEZERRA, T.; GOMES, J. O lúdico e as atividades de educação em saúde bucal: um estudo de caso na unidade de saúde da família do km 06-Natal/ RN. Disponível em:< http://congressos.ifal.edu.br/index.php/connepi/CONNEPI2010/paper/viewFile/309/220 >. Acesso em 24 de Junho 2017.

CORDAZZO, S. T. D. et al. Perspectivas no estudo do brincar: um levantamento bibliográfico. Aletheia, Canoas, n. 26, p. 122-126, 2007.

CORRÊA, M.S.N.P. Odontopediatria na primeira infância. 3. ed. São Paulo: Santos, 2010.

COSCRATO, G.; PINA, J. C.; MELLO, D. F. Utilização de atividades lúdicas na educação em saúde: uma revisão integrativa da literatura. Revista Paulista de Enfermagem, São Paulo, v.23, n. 2, p.257-263, 2010.

DALLABONA, S.; MENDES, S. O lúdico na educação infantil: jogar, brincar, uma forma de educar. Revista de Divulgação Técnico Científica do Icpg, Santa Catarina, v. 1, n. 4, p. 107–112, 2004.

DOTTA, E.; CAMPOS, J. A. D. B.; GARCIA, P. P. N. S. Elaboração de um jogo digital educacional sobre saúde bucal direcionado para a população infantil. Pesquisa Brasileira em Odontopediatria e Clínica Integrada, Paraíba, v. 12, n. 2, p. 209–215, 2012.

FADEL, C. B.; BORDIN, D.; LANGOSKI, J. E. A educação como prática viabilizadora da saúde bucal. Journal of the Health Sciences Institute, Unip, São Paulo, v. 31, n. 2, p. 136-140, 2013.

FIGUEIRA, T. R; LEITE, I. C. G. Percepções, conhecimentos e práticas em saúde bucal de escolares. Revista Gaúcha de Odontologia, São Paulo, v. 56, n. 1, p. 27-32. 2008.

GARCIA, P. P. N. S. et al. Educação em saúde: Efeito de um método de auto-instruçáo sobre os níveis de higiene oral em escolares. Pesquisa Brasileira em Odontopediatria e Clinica Integrada, Paraíba, v. 9, n. 3, p. 333–337, 2009.

LIRA, N. A. B.; RUBIO, J. A. S. A importância da psicomotricidade na educação infantil. Revista Eletrônica Saberes da Educação, São Paulo, v. 5, n. 1, p. 1–22, 2014.

LUCHETTI, A.; MOREALE, V.; PARRO, M. C. Educação em saúde: uma experiência com teatro de fantoches no ensino nutricional de escolares. CuidArte Enfermagem, São Paulo, v. 5, n. 2, p. 97–103, 2011.

LOSSO, E.M et al. Cárie precoce e severa na infância: uma abordagem integral. Jornal de Pediatria, Rio de Janeiro, v. 85, n. 4, 2009.

MAKUCH, A.; RESCHKE, K. Playing games in promoting childhood dental health. Patient Education and Counseling, Germany, v. 43, n. 1, p. 105–110, 2001.

MALLMANN, D. G. et al. Educação em saúde como principal alternativa para promover a saúde do idoso. Ciência & Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v. 20, n. 6, p. 1763–1772, 2015.

MIALHE, F.L, GONÇALO, C.S., MORANO JÚNIOR, M. Jogos em odontologia: avaliação dos trabalhos desenvolvidos por escolares do ensino fundamental. Revista UNINGÁ, Paraná, n.16, p.13-25, 2008.

MIELE, G. M. S. et al. Música e motivação na odontopediatria. Jornal Brasileiro de Odontopediatria e Odontologia do Bebê, Curitiba, v. 3, n. 15, p. 414-423, 2000.

MORAIS, A. M.; MACHADO, L. S.; VALENÇA, A. M. G. Planejamento de um Serious Games Voltado para Saúde Bucal em Bebês. Revista de Informática Teórica e Aplicada, Rio Grande do Sul, v. 18, n. 1, p. 158–175, 2011.

MORAES, K. R et al. Motivação de higiene dental utilizando brinquedos com temas odontológicos. Revista ConScientia e Saúde, São Paulo, v. 10, n. 4, p. 723-728. 2011.

NAKAHARA, M. M. et al. A utilização do lúdico na prevenção de acidentes na infância. HU Revista, Minas Gerais, v. 38, n. 3, p. 203–206, 2012.

OLIVEIRA, J. C. C. Atividades lúdicas na odontopediatria: uma breve revisão da literatura. Revista Brasileira de Odontologia, Rio de Janeiro, v. 71, n.1, p.103-107, 2014.

OLIVEIRA, M. F. et al. Motivação no controle do biofilme dental e o aprendizado em relação à saúde bucal em escolares. Publicatio UEPG: Ciencias Biologicas e da Saude, Paraná, v. 18, n. 2, p. 115–120, 2012.

OLIVEIRA, T. F. et al. Educação e controle da esquistossomose em Sumidouro (RJ, Brasil): avaliação de um jogo no contexto escolar. Revista Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências, São Paulo, v. 8, n. 3, 2011.

ONGARO, C. F.; SILVA, C.S.; RICCI, S. M. A importância da música na aprendizagem. UNIMEO/CTESOP, 2006.

PEREIRA, E.C.; TERÁN, A. F. As atividades lúdicas como estratégias metodológicas no ensino de hábitos higiênicos. Resultados das Pesquisas de Iniciação Científica da Escola Normal Superior – PROFIC 2006 – 2007, Manaus, p. 67-69, 2007.

RANGEL, T.; SILVA, A. Efeito da música instrumental no comportamento de bebês durante o tratamento odontológico Instrumental music effect in babies behavior during dental treatment. ClipeOdonto, São Paulo, v. 8, n. 1, p. 22–27, 2016.

RODRIGUES, M. H. Criação, desenvolvimento e aplicação de serious game educativo para prevenção em saúde bucal infantil – “Caí, Perdi um Dente...E Daí?”. 2014. 153 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Odontológicas) - Universidade de São Paulo, São Paulo. 2014.

SANTOS, A.; SANTOS, A. O teatro e suas contribuições para educação infantil na escola pública. XVI ENDIPE - Encontro Nacional de Didática e Práticas de Ensino - UNICAMP, São Paulo, p. 5452–5463, 2012.

SANTOS, K. T.; GARBIN, A. J. I; GARBIN, C. A. S. Saúde bucal nas escolas: relato de experiência. Revista Ciência em Extensão, São Paulo, v. 8, n. 1, p. 161–169, 2012.

SCHERER, C. A. Educação musical: contribuições para o desenvolvimento do pensamento infantil. Nuances: estudos sobre Educação, São Paulo, v. 24, n. 1, p. 163–182, 2013.

SILVEIRA, E. R. et al. Educação em saúde bucal direcionada aos deficientes visuais. Revista Brasileira de Educação Especial, São Paulo, v. 21, n. 2, p. 289–298, 2015.

SOUZA, H. et al. Cultura bucal: transformando odontologia em música oral. Raízes e Rumos, Rio de Janeiro, v. 3, n. 1, p. 131–142, 2015.

TOSCANI, N. V. et al. Desenvolvimento e análise de jogo educativo para crianças visando à prevenção de doenças parasitológicas. Revista Interface- Saúde, Educação, Comunicação, São Paulo, v. 11, n. 22, p. 281-294, 2007.

TRISTÃO, M. B. O lúdico na prática docente. 2010. 39f. Tese (Graduação em Pedagogia) - Universidade Federal Do Rio Grande Do Sul, Rio Grande do Sul, 2010.

VASCONCELOS FILHO, J.E. et al. Um jogo sério de apoio ao tratamento odontológico de crianças especiais. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE GAMES E ENTRETENIMENTO DIGITAL, 13, 2014, Rio Grande do Sul. Anais... Rio Grande do Sul: SBC – Proceedings of SBGames 2014, 2014. p. 626-628.

VENÂNCIO, D. R. et al. Promoção da saúde bucal: desenvolvendo material lúdico para crianças na faixa etária pré-escolar. Journal of the Health Sciences Institute, São Paulo, v. 29, n. 3, p.153-156, 2011.




DOI: http://dx.doi.org/10.17765/1983-1870.2017v10n2p365-371

Saúde e Pesquisa
Unicesumar, Maringá (PR), Brasil
Contato: naep@unicesumar.edu.br
ISSN 1983-1870 Impressa
ISSN 2176-9206 On-line

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.