<b>Aplicação da Teoria das Filas na Otimização do Número de Caixas: Um Estudo de Caso

  • Danielle Durski Figueiredo Universidade Tecnológica Federal do Paraná - UTFPR
  • Silvana Heidemann Rocha Universidade Tecnológica Federal do Paraná - UTFPR
Palavras-chave: Teoria das Filas, Otimização, Número de caixas, Modelo M/M/c.

Resumo

Este trabalho procura mostrar como a Teoria das Filas pode ser utilizada para se prever o número otimizado de caixas necessários num momento para atender a demanda de uma loja. O objeto de pesquisa é a realidade de uma loja com grande número de clientes e que utiliza fila única para os caixas. Para o cálculo do referido número otimizado, aqui é adotado como ponto de partida a condição de que seja pequena a probabilidade do tempo médio de espera de um cliente na fila ultrapassar um valor pré-estabelecido. Através de estudos amostrais, foi proposto para o caso em análise um modelo quantitativo de fila do tipo M/M/c (Exponencial, Exponencial, c canais de atendimento). Atualmente, a loja em questão adota um sistema, denominado Agifila, de controle para o número de clientes na fila única dos caixas. Neste trabalho é feita uma comparação entre o modelo de fila proposto, fundamentado em previsões, com o sistema Agifila, fundamentado em controle momentâneo, de maneira a esclarecer a eficiência tanto do modelo como a do referido sistema.

Biografia do Autor

Danielle Durski Figueiredo, Universidade Tecnológica Federal do Paraná - UTFPR
Mestre em Métodos Numéricos e Programação Matemática pela Universidade Federal do Paraná – UFPR; Docente do Departamento de Matemática da Universidade Tecnológica Federal do Paraná – UTFPR. Email: danidurski@gmail.com
Silvana Heidemann Rocha, Universidade Tecnológica Federal do Paraná - UTFPR
Docente do Departamento de Matemática da Universidade Tecnológica Federal do Paraná – UTFPR. Email: heidemann@utfpr.edu.br
Publicado
2010-07-13
Seção
Artigos Originais