<b>Técnica de Modelagem em Resina de Poliuretano na Taxidermia de Vertebrados

  • Carlos Henrique Przybysz Faculdade de Apucarana - FAP
  • Willian Luiz da Cunha Faculdade de Apucarana - FAP
Palavras-chave: Taxidermia, Resina, Poliuretano, Técnicas, Técnicas Anatômicas.

Resumo

Laboratórios de Zoologia de Instituições de Pesquisa e Ensino têm demonstrado grande demanda por peças anatômicas para utilização em aulas práticas. Desta maneira técnicas de preparação de material biológico vêm sendo criadas, aperfeiçoadas e aplicadas, incluíndo os relatos desde os primórdios da civilização. Dentre tais técnicas a taxidermia é uma delas que é utilizada para a conservação de animais mortos apresentando importância fundamental no auxilio aos naturalistas para estudar a classificação das diferentes espécies, raças e variedades existentes. Grande parte dos vertebrados silvestres do Estado do Paraná encontra-se ameaçados de extinção e o estudo destas espécies torna-se de suma importância. O objetivo deste trabalho é realizar uma técnica pouco usada na taxidermia que utiliza resina de poliuretano como material de enchimento do animal. Para esta técnica foi utilizado um animal mamífero silvestre (porco espinho), do qual a pele foi retirada. Após isso, a pele foi conservada em formol 10% por um período de 30 dias. A carcaça foi utilizada para a realização de um molde em gesso utilizando atadura gessada. O molde foi preenchido com resina de poliuretano expansível, tomando, assim, a forma exata do animal. A pele foi tratada internamente com pasta bórax. A técnica mostrou-se excelente, pois a resina de poliuretano tomou a forma exata do molde realizado com a carcaça do animal, deixando o animal mais próximo do real em vida, além de apresentar maior resistência e durabilidade em relação aos materiais utilizados nas técnicas convencionas. Concluiu-se que esta técnica é ótima garantindo uma perfeita taxidermia dos animais.

Biografia do Autor

Carlos Henrique Przybysz, Faculdade de Apucarana - FAP
D
Willian Luiz da Cunha, Faculdade de Apucarana - FAP
Docente Mestre em Genética e Melhoramento da Faculdade de Apucarana – FAP. E-mail: willian.cunha@fap.com.br
Publicado
2011-03-01
Seção
Artigos Originais