<b>Redes de Citação em Patentes: Enfoque em Alimentos Funcionais

  • Jorge Luis Rodrigues UEL
  • Maria Inês Tomaél UEL
Palavras-chave: Informação tecnológica, Patentes, Fluxos de Informação e de conhecimento, Redes de citação, Análise de redes sociais, Technologic information, Patents, Information and knowledge flow, Citation networks, Social networks analysis.

Resumo

As patentes assumem um papel-chave no que diz respeito à busca, geração e disseminação de novos conhecimentos, além de serem consideradas ferramentas estratégicas para a geração e análise de indicadores significantes da dinâmica e do nível de desenvolvimento da P&D. Sendo assim, o objetivo deste estudo foi mapear, por meio da Análise de Redes Sociais (ARS), os fluxos de informação e de conhecimento que estão representados nas citações feitas e recebidas pelas patentes brasileiras em alimentos funcionais concedidas pelo United States Patent and Trademark Office (USPTO), bem como identificar os responsáveis por estas citações – inventor(es) ou examinador(es) –, os tipos de documentos citados e a nação que estes representam. Desta forma, concluiu-se que, em sua grande maioria, as informações e conhecimentos que subsidiam a geração de novas tecnologias referentes a alimentos funcionais no Brasil são originários de documentos patentes que representam países desenvolvidos.

Biografia do Autor

Jorge Luis Rodrigues, UEL
Acadêmico do Curso de Biblioteconomia do Departamento de Ciência da Informação da Universidade Estadual de Londrina – UEL; Bolsista PIBIC/CNPq.
Maria Inês Tomaél, UEL
Orientadora e Docente do Departamento de Ciência da Informação da Universidade Estadual de Londrina – UEL; Doutora em Ciência da Informação pela Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG.
Publicado
2008-06-26
Seção
Artigos Originais