<b>Análise da transmissão de preço para o leite paranaense utilizando modelos de séries temporais</b>

  • Diego Figueiredo Dias UEM
  • Camila Kraide Kretzmann UEM
  • Alexandre Florindo Alves UEM
  • José Luiz Parré UEM
Palavras-chave: Leite, Séries de Tempo, Lei do Preço Único

Resumo

Este artigo analisa a elasticidade da transmissão de preços de leite ao produtor do Estado do Paraná. O objetivo foi analisar quais dos principais estados produtores de leite (MG, GO, SP, RS) afetam o preço paranaense. Foram utilizados vários métodos relacionados com séries de tempo: teste de raiz unitária (DFuller e PPerron), de causalidade de Granger, de co-integração de Johansen, Modelo Vetorial de Correção de Erro (VEC). O modelo teórico utilizado tem como base a Lei do Preço Único. O período analisado corresponde a janeiro de 1995 a julho de 2006. Os resultados obtidos mostram que, dentre os estados analisados, as variações nos preços recebidos pelos produtores do Estado de Goiás são transmitidas aos preços recebidos pelos produtores do Paraná.

Biografia do Autor

Diego Figueiredo Dias, UEM
Mestrando em Teoria Econômica na Universidade Estadual de Maringá - UEM.
Camila Kraide Kretzmann, UEM
Mestranda em Teoria Econômica na Universidade Estadual de Maringá - UEM
Alexandre Florindo Alves, UEM
Docente Adjunto do Programa de Pós-Graduação em Ciências Econômicas e do Departamento de Economia na Universidade Estadual de Maringá - UEM
José Luiz Parré, UEM
Docente Adjunto do Programa de Pós-Graduação em Ciências Econômicas e do Departamento de Economia na Universidade Estadual de Maringá - UEM
Publicado
2007-10-08
Seção
Agronegócio