<b>O Papel do Pedagogo: Divergências Entre a Formação e o Cotidiano de Atuação

  • Elocir Aparecida Correa Pires Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE
  • Kely Cristina Enisweler Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE
  • Kellys Regina Rodio Saucedo Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE
  • Vilmar Malacarne Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE
  • Dulce Maria Strieder Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE
Palavras-chave: Curso de Pedagogia, Ensino Noturno, Polivalência, Valorização Profissional

Resumo

Desde sua emergência, em 1939, até os dias atuais, o Curso de Pedagogia no Brasil vem sendo alvo de estudos e discussões por diversos autores. Entre tantos aspectos discutidos estão presentes os impasses da identidade do pedagogo, da qualidade de sua formação, considerando as diversas áreas de sua atuação. Este estudo é resultado de uma pesquisa sobre a atuação do pedagogo realizada em uma Escola Estadual, localizada na região Sul da cidade de Cascavel (PR). Em relação à observação realizada na escola verificou-se a sobrecarga de trabalho realizado pela coordenadora de ensino, única responsável pelo atendimento das demandas do ensino noturno na escola. Entende-se que essa situação desvaloriza a especificidade de sua função, sendo o trabalho pedagógico muitas vezes secundarizado nas escolas, pois este passa a desempenhar um papel emergencial. Nesse sentido compreendemos que o pedagogo não deve perder de vista sua identidade enquanto profissional, que é a de estudar as relações educacionais, fazendo com que o ato educativo converta-se em uma aprendizagem significativa. Essa condição interpõe o desenvolvimento de políticas que valorizem sua formação definindo papéis e responsabilidades quanto à sua atuação, políticas estas que exigem o diálogo entre governo e universidades. Melhores condições de trabalho nas escolas e uma política de valorização desse profissional responderiam com a minimização das situações mais imediatas do cotidiano escolar, permitindo o emprego de mais esforços com as tarefas pedagógicas.

Biografia do Autor

Elocir Aparecida Correa Pires, Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE
Discente do 4° ano do curso de Pedagogia; Bolsista de Iniciação Científica - CNPq
Kely Cristina Enisweler, Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE
Licenciada em Pedagogia pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE
Kellys Regina Rodio Saucedo, Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE
Discente do Programa de Pós-Graduação stricto sensu em Educação/Mestrado/CECA/UNIOESTE; Bolsista CAPES
Vilmar Malacarne, Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE
Doutor em Educação; Docente do Programa de Pós-Graduação stricto sensu em Educação/Mestrado/CECA/UNIOESTE e da Área de Ciências Humanas/CECA da UNIOESTE
Dulce Maria Strieder, Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE
Doutora em Educação; Docente do Programa de Pós-Graduação stricto sensu em Educação/Mestrado/CECA/UNIOESTE e da Área de Física/CCET da UNIOESTE
Publicado
2014-11-10
Seção
Artigos Originais