<b>A Implantação do Mapa de Riscos no Ambiente de Trabalho: Revisão Integrativa Acerca de Técnicas Inovadoras

  • Tamyris Targas Mota Universidade Católica Dom Bosco
  • Oleci Pereira Frota Universidade Católica Dom Bosco
Palavras-chave: Mapa de Riscos, Técnicas Inovadoras, Saúde do Trabalhador

Resumo

Os objetivos deste estudo foram caracterizar a produção científica nacional sobre técnicas inovadoras para implantação do Mapa de Riscos nas empresas e identificar essas técnicas. Trata-se de uma revisão integrativa realizada nos bancos BVS, SciELO e Google Acadêmico com os descritores controlados “mapa de risco” e “acidentes de trabalho”. A amostra foi constituída de três estudos. Os resultados apontam que, apesar de escassas, existem técnicas diferenciadas e inovadoras para a implantação do mapa de riscos em diferentes contextos e ambientes, e que foram implantadas em diferentes momentos da produção do mapa. Os resultados permitiram a separação das técnicas encontradas em duas categorias: mecanismos de inovações metodológicas e mecanismos de inovação tecnológica. Concluiu-se que todas as técnicas identificadas obtiveram resultados satisfatórios e mostraram-se instrumentos eficazes para a implantação de Mapas de Riscos de qualidade.

Biografia do Autor

Tamyris Targas Mota, Universidade Católica Dom Bosco
Enfermeira; Especialista em Enfermagem do Trabalho
Oleci Pereira Frota, Universidade Católica Dom Bosco
Enfermeiro; Especialista em Terapia Intensiva e Urgência/Emergência. Orientador do programa de Pós-Graduação Lato Sensu Enfermagem do Trabalho da Universidade Católica Dom Bosco – UCDB, Campo Grande, MS.
Publicado
2013-11-12
Seção
Artigos de Revisão