Variações Limnológicas Abióticas Espaciais e Temporais em uma Lagoa na Bacia Araguaia-Tocantins, Mato Grosso

Maurivan Barros Pereira, Monica Elisa Bleich

Resumo


O objetivo do estudo foi caracterizar as variações limnológicas espaciais e temporais em uma lagoa na Bacia Araguaia-Tocantins. As amostragens foram realizadas quinzenalmente na região litorânea e na região limnética em três estações de amostragem, sendo uma em cada extremidade (pontos 1 e 3) e uma na região central (ponto 2) da lagoa. Foram avaliadas as variáveis: profundidade, transparência, temperatura da água, oxigênio dissolvido, condutividade elétrica e pH. As menores concentrações de oxigênio dissolvido foram registradas no início do período chuvoso. Entre as variáveis limnológicas medidas, somente o oxigênio dissolvido e a profundidade apresentaram diferenças significativas entre as regiões litorânea e limnética da lagoa. No período de seca foram registrados os menores valores de transparência da água e os maiores valores de turbidez. Entre o período de seca e o período chuvoso foi registrada diferença significativa na concentração de oxigênio dissolvido e condutividade elétrica da água.

Palavras-chave


Limnologia; Lagoa; Bacia Araguaia - Tocantins; Limnology; Lagoon; Araguaia - Tocantins Basin.

Texto completo:

Artigo_Pdf


Iniciação Científica Cesumar
Unicesumar, Maringá (PR), Brasil
ISSN 2176-9192 On-line
Contato: naep@unicesumar.edu.br

ISSN 1518-1243 Versão impressa interrompido em 2019

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.