<b>Avaliação Retrospectiva das Variáveis Etiológicas e Clínicas Envolvidas na Doença do Trato Urinário Inferior dos Felinos (DTUIF)

  • Veruska Martins da Rosa Centro Universitário de Maringá – CESUMAR
  • Juliany Gomes Quitzan Pontifícia Universidade Católica - PUC-PR
Palavras-chave: Felinos, Obstrução Uretral, Trato Urinário, Urólitos.

Resumo

A doença do trato urinário inferior felino (DTUIF) é uma das principais afecções dos felinos. Pode ter causas diversas, manifestando-se como cistite idiopática, urolitíase vesical, obstrução por urólitos e obstrução por plugs uretrais. Os sinais clínicos incluem hematúria, disúria, polaciúria e obstrução uretral. Foi realizado um estudo retrospectivo de levantamento de dados, por meio de fichas clínicas de dois hospitais veterinários de Maringá. No presente estudo pode-se concluir que a DTUIF pode acometer tanto machos como fêmeas, sendo o processo obstrutivo mais frequente entre os felinos do sexo masculino. Verificou-se que a castração e a raça dos animais não atuam como um fator que predispõe à doença do trato urinário inferior de felinos; entretanto, os fatores dieta seca, água, idade, ambiente em que vivem, sazonalidade, sedentarismo e obesidade são fatores de risco desta síndrome gatos domésticos, predispondo à DTUIF. Dessa forma, foi possível descrever o perfil da DTUIF na população felina atendida nas clínicas veterinárias de Maringá e a existência de associação dos fatores considerados de risco da doença.

Biografia do Autor

Veruska Martins da Rosa, Centro Universitário de Maringá – CESUMAR
R
Juliany Gomes Quitzan, Pontifícia Universidade Católica - PUC-PR
Mestre e Doutora em Bases Gerais da Cirurgia (ênfase em Urologia) pela Faculdade de Medicina – UNESP; Docente na área de Cirurgia de Pequenos Animais na Pontifícia Universidade Católica - PUC-PR. E-mail: juliany.quitzan@pucpr.br; juquitzan@yahoo.com
Publicado
2011-04-11
Seção
Artigos de Iniciação Científica