<b>A concepção de adolescência segundo os próprios adolescentes

  • Solange Franci Raimundo Yaegashi CESUMAR / UEM
  • Melyssa Moreira Gualda CESUMAR
  • Rosana Maria Monteiro Campigotto CESUMAR
Palavras-chave: adolescência, identidade, desenvolvimento

Resumo

Esta pesquisa teve por objetivo investigar como os próprios adolescentes se percebem enquanto alunos. A identidade é construída em um processo de aprendizagem, que implica em amadurecimento da capacidade de integrar o passado, presente e futuro. Sendo assim, é vivenciada como uma ação: é o indivíduo que constrói a sua consciência e seu reconhecimento, no interior dos limites postos pelo ambiente e pelas relações sociais. O escudo da representação social do adolescente justifica-se na medida em que o aluno tende a se relacionar com outros membros da escola. Importa identificar as representações sociais assumidas de modo pouco consciente pelos alunos, pois se trata de um fator de importância no trabalho do psicólogo escolar, contribuindo para a melhoria da qualidade do ensino. A pesquisa foi desenvolvida em dois momentos. No primeiro, foi realizada uma pesquisa bibliográfica sobre o tema em questão. No segundo, de natureza empírica, foram entrevistados 20 adolescentes de ambos os sexos, matriculados no 1º, 2º e 3º ano do ensino médio em duas escolas, sendo uma de rede pública e outra de rede privada, da cidade de Mandaguari - PR. A análise dos dados teve um caráter qualitativo, trabalhando-se com seis categorias: 1) concepção de adolescência; 2) dificuldades de adolescentes; 3) preocupação do adolescente; 4) influência da família; 6) importância da escola. Chegou-se à conclusão que a adolescência é uma fase do desenvolvimento humano onde muita mudança física, social e psicológica acontece, influenciando assim, os comportamentos dos jovens. Por estarem vivendo a mesma experiência, este se unem, acatando os valores uns dos outros como sendo mais importante que os valores transmitidos pela família. Contudo, para a formação de sua identidade, os jovens também buscam como referencial os valores transmitidos pelos professores familiares e pela mídia.

Biografia do Autor

Solange Franci Raimundo Yaegashi, CESUMAR / UEM
Doutora, Orientadora da pesquisa. Docente do Curso de Psicologia do Centro Universitário de Maringá - CESUMAR e do Mestrado em Educação da UEM.
Melyssa Moreira Gualda, CESUMAR
Acadêmica do Curso de Psicologiado CESUMAR.
Rosana Maria Monteiro Campigotto, CESUMAR
Acadêmica do Curso de Psicologiado CESUMAR.
Publicado
2007-07-18
Seção
Artigos Originais