<b>Atividade Antioxidante e Compostos Fenólicos de <i>Maytenus ilicifolia </i>e <i>Maytenus aquifolium

  • Kimiyo Shimomura Haida UNIPAR
  • Jucelaine Haas UTFPR
  • Deison Soares de Lima UNIPAR
  • Karina Yuli Haida UNIPAR
  • Fábio José da Silva UNIPAR
  • Simone Limana UNIPAR
  • Rausbleni Taila Rodrigues UNIPAR
Palavras-chave: Espinheira-Santa, Polifenóis, Propriedade Antioxidante.

Resumo

As duas espécies, Maytenus ilicifolia e Maytenus aquifolium, denominadas de "espinheira-santa", são espécies medicinais nativas do Brasil e são utilizadas na medicina popular como antiinflamatórias, antitumorais, antileucêmicas e no tratamento de problemas digestivos. O objetivo deste trabalho foi avaliar a capacidade antioxidante e quantidade de fenólicos totais presentes nas folhas de Maytenus ilicifolia e Maytenus aquifolium. A partir de folhas secas foram preparados os extratos aquoso e etanólico nas seguintes concentrações: 1000, 500, 250 e 125 g/mL-1. A determinação de fenóis totais foi realizada com método de Folin-Ciocalteu e análise quantitativa da atividade antioxidante foi realizada pelo método de radical 2,2-difenil-1-picrilhidrazil (DPPH). Foram utilizados como controles positivos: rutina, ácido gálico e ácido ascórbico. Em todas as concentrações os teores de compostos fenólicos foram maiores para o extrato aquoso de Maytenus ilicifolia, seguido de extrato etanólico da mesma e, por fim o extrato alcoólico de Maytenus aquifolium. A atividade antioxidante do extrato aquoso e etanólico de Maytenus ilicifolia e Maytenus aquifolium são comparáveis aos de ácido ascórbico, ácido gálico e rutina. As duas espécies de espinheira-santa apresentaram um grande potencial antioxidante.

Biografia do Autor

Kimiyo Shimomura Haida, UNIPAR
Furso de Ciências Biológicas e Biomedicina Área: Microbiologia, Bromatologia
Jucelaine Haas, UTFPR
Bióloga, mestre em Agronomia, docente da Universidade Tecnológica Federal do Paraná - UTFPR - Dois Vizinhos (PR).
Deison Soares de Lima, UNIPAR
Biomédico, Mestre em Imunologia Básica e Aplicada, Doutor em Clínica Médica, docente da Universidade Paranaense- Cascavel (PR).
Karina Yuli Haida, UNIPAR
Nutricionista, acadêmica do Curso de Enfermagem da Universidade Paranaense-Cascavel.
Fábio José da Silva, UNIPAR
Biólogo pela Universidade Paranaense- Cascavel (PR.
Simone Limana, UNIPAR
Acadêmica do Curso de Biomedicina, Programa de Iniciação Científica da UNIPAR - Cascavel (PR)
Rausbleni Taila Rodrigues, UNIPAR
Acadêmica do Curso de Biomedicina, Programa de Iniciação Científica da UNIPAR-Cascavel (PR).
Publicado
2012-08-01
Seção
Artigos Originais