<b>Prevalência do Tabagismo entre Discentes do Curso de Enfermagem da Universidade Severino Sombra

  • Ana Carla Balthar Bandeira Universidade Severino Sombra - USS
  • Tereza Aparecida Dornelas Universidade Severino Sombra - USS
  • Marco Aurélio dos Santos Silva Universidade Severino Sombra - USS
  • Geovani Nunes Dornelas Universidade Severino Sombra - USS
  • Lília Marques Simões Rodrigues Universidade Severino Sombra - USS
  • Frank Silva Bezerra Universidade Federal de Ouro Preto - UFOP- MG
Palavras-chave: Tabagismo, Prevalência do Fumo, Perfil do Acadêmico de Enfermagem.

Resumo

O objetivo deste estudo foi levantar a prevalência e o perfil de tabagistas entre discentes do Curso de Enfermagem da Universidade Severino Sombra. Para isto, durante o período de fevereiro a março de 2009 foi aplicado um questionário para uma amostra de 200 alunos devidamente matriculados e com 18 anos completos. Foi utilizada a análise de prevalência, aproximada em 100%. A prevalência de fumantes, ex-fumantes e não fumantes foi de 10,5%, 4% e 85,5%, respectivamente. O tabagismo foi 1,2 vezes mais frequente entre os homens (11,8/10,1) e entre as mulheres na faixa etária de 21 e 30 anos, com 33,3%. A idade de início do tabagismo foi prevalente antes dos 18 anos (71,4%) e os fatores motivadores ao fumo foram a influência de amigos e a curiosidade, com 38,1% e 28,6%, respectivamente. A maioria dos fumantes (71,4%) apresentou grau leve de dependência nicotínica. Concluiu-se que o tabagismo entre os acadêmicos do Curso de Enfermagem da USS mostrou-se presente e discretamente aumentado em relação a trabalhos anteriores.

Biografia do Autor

Ana Carla Balthar Bandeira, Universidade Severino Sombra - USS
Discente do Curso de Enfermagem da Universidade Severino Sombra - USS. E-mail: anacbbandeira@pop.com.br
Tereza Aparecida Dornelas, Universidade Severino Sombra - USS
Bióloga; Mestre em Biologia Animal pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro – UFRRJ; Docente Titular da disciplina de Epidemiologia do Curso de Enfermagem da Universidade Severino Sombra – USS. e-mail: tsdornelas@oi.com.br
Marco Aurélio dos Santos Silva, Universidade Severino Sombra - USS
Fisioterapeuta; Mestrando em Biologia Humana e Experimental pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro – UERJ; Docente Assistente I da disciplina de Anatomia Humana do Curso de Enfermagem da Universidade Severino Sombra - USS. E-mail: marcoaurelioanato@hotmail.com
Geovani Nunes Dornelas, Universidade Severino Sombra - USS
Matemático; Mestrando em Modelagem Matemática e Estatística Aplicada pela Universidade Vale do Rio Verde – UninCor; Docente Adjunto I da disciplina de Bioestatística do Curso de Enfermagem da Universidade Severino Sombra - USS. E-mail: gndornelas@gmail.com
Lília Marques Simões Rodrigues, Universidade Severino Sombra - USS
Enfermeira; Especialista em Metodologia do Ensino Superior pela Universidade Severino Sombra – USS; Docente Titular da disciplina de Enfermagem Clínica em Alta Complexidade, Coordenadora do Curso de Enfermagem da Universidade Severino Sombra - USS. E-mail: lilia@uss.br
Frank Silva Bezerra, Universidade Federal de Ouro Preto - UFOP- MG
Fisioterapeuta; Doutor em Ciências Morfológicas pela Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ; Docente Adjunto I da disciplina de Anatomia Humana Básica do Curso de Medicina da Universidade Federal de Ouro Preto - UFOP. E-mail: frank@iceb.ufop.br
Publicado
2011-02-03
Seção
Artigos Originais