<b>A Brinquedoteca Hospitalar e a Recuperação de Crianças Internadas: uma Revisão Bibliográfica

  • Greice Kely Oliveira de Souza Faculdade de Tecnologia e Ciências
  • Maria Margarete B. Martins Faculdade Anísio Teixeira de Feira de Santana
Palavras-chave: Brinquedo Terapêutico, Criança, Hospitalização

Resumo

A criança ao ser hospitalizada é retirada do seu cotidiano e apresentada a um espaço desconhecido e por vezes traumatizante. Desse modo, o brinquedo terapêutico e a atividade lúdica amenizam o processo de hospitalização. É um estudo realizado através da revisão bibliográfica com abordagem qualitativa, que tem por objetivo geral compreender a importância da brinquedoteca hospitalar, e por objetivos específicos descrever a brinquedoteca hospitalar e identificar informações sobre a utilização dos brinquedos pelas crianças. Foi possível constatar um aumento crescente de brinquedotecas e os benefícios do brinquedo terapêutico, quer como meio de expressão, quer como condição de desenvolvimento saudável da criança.

Biografia do Autor

Greice Kely Oliveira de Souza, Faculdade de Tecnologia e Ciências
Enfermeira; Especialista em Unidade de Terapia Intensiva Neonatal e Pediátrico pela Faculdade de Tecnologia e Ciências – FTC, Feira de Santana – BA. E-mail: greicekely@hotmail.com.br
Maria Margarete B. Martins, Faculdade Anísio Teixeira de Feira de Santana
Enfermeira; Especialista em Gestão dos Serviços de Saúde da Universidade Estadual de Feira de Santana – UEFS, BA; Docente do curso de Enfermagem da Faculdade Anísio Teixeira de Feira de Santana – FAT, BA
Publicado
2013-02-13
Seção
Artigos de Revisão