EPIDEMIOLOGIA DE DENGUE E ZIKA VÍRUS NA 13ª REGIONAL DE SAÚDE DO PARANÁ-BRASIL

  • Elen Paula Leatte Faculdade Integrado de Campo Mourão
  • Adrielli Monteiro Dal Pont Faculdade Integrado de Campo Mourão.
Palavras-chave: Vírus da Dengue, Zika Vírus, Sistemas de Informação em Saúde, Epidemias

Resumo

A dengue e o Zika vírus são doenças virais infecciosas de transmissão vetorial. O objetivo deste trabalho foi descrever as ocorrências da dengue e do Zika vírus na 13ª Regional de Saúde do Paraná, com sede no município de Cianorte, e em mais dez outros municípios. Os dados foram obtidos no Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SINAN) de dengue e Zika vírus entre janeiro de 2011 e agosto de 2016. No período estudado foram notificados 6.065 casos de dengue e 503 casos de Zika vírus, observando-se uma epidemia de dengue no ano de 2014. Este trabalho conclui que apesar da 13ª Regional de Saúde apresentar apenas 1 sorotipo e poucos casos de óbitos, a dengue e o Zika vírus são importantes problemas de saúde pública, fazendo-se necessário o controle para diminuição dos níveis de infestação vetorial.

Biografia do Autor

Elen Paula Leatte, Faculdade Integrado de Campo Mourão
Mestre em Biociências e Fisiopatologia pela Universidade Estadual de Maringá (UEM); Docente adjunto no departamento de Enfermagem da Faculdade Integrado de Campo Mourão, Campo Mourão (PR), Brasil.
Adrielli Monteiro Dal Pont, Faculdade Integrado de Campo Mourão.
Discente do 8º Período de Biomedicina da Faculdade Integrado de Campo Mourão, Paraná, Brasil.
Publicado
2017-09-28
Seção
Artigos Originas - Promoção da Saúde