Estratégias Educativas para Prevenção e Redução da Morbimortalidade do Câncer do Colo Uterino

Gilberto de Souza, Priscilla Santos Alves

Resumo


Este estudo teve como objetivo analisar as estratégias educativas utilizadas pelo enfermeiro para a prevenção e redução de morbimortalidade do câncer de colo uterino no Brasil, buscando evidências na literatura sobre as estratégias educativas eficazes na prevenção do câncer de colo uterino. Para tanto foi realizada uma revisão integrativa da literatura. Esse estudo evidenciou a importância que a educação em saúde tem no contexto oncológico envolvendo o universo feminino. As ações de promoção da saúde são de extrema relevância, uma vez que envolvem a mulher no contexto da saúde-doença e enfocam o autocuidado. Neste estudo, foi possível constatar que as estratégias educativas utilizadas pelo enfermeiro para a prevenção de câncer do colo uterino são largamente diversificadas e necessitam ser combinadas entre si, pois, considerando-se que não há uma metodologia única e específica, elas devem ser adaptadas conforme as características loco-regionais do público alvo.

Palavras-chave


Educação em Saúde; Neoplasias do Colo do Útero; Prevenção de Câncer de Colo Uterino

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17765/2176-9206.2015v8n2p317-326

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os comentários


Saúde e Pesquisa
Unicesumar, Maringá (PR), Brasil
ISSN 2176-9206 On-line
Contato: naep@unicesumar.edu.br

ISSN 1983-1870 Versão impressa interrompido em 2019

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.