<b>Assédio Moral ao Servidor Público no Ambiente de Trabalho Durante o Período Eleitoral para Eleições Majoritárias Municiapais no Brasil

  • Ivan Dias da Motta Centro Universitário UniCesumar
  • José Roberto Tiossi Junior Centro Universitário UniCesumar
Palavras-chave: Assédio Moral, Servidor Público, Período Eleitoral

Resumo

O presente artigo tem como tema principal o assédio moral, que, em qualquer âmbito, está sempre cercado de intrincadas questões. A compreensão do perfil do assediador e do assediado é bastante complexa, ainda mais quando o fenômeno ocorre na Administração Pública e durante o período eleitoral. A busca incessante pelo poder e a ganância dos políticos faz com que o interesse público seja deixado de lado e os servidores sofram violento assédio moral em seus postos de trabalho, culminando em prejuízos incalculáveis tanto para o próprio servidor assediado, quanto para toda a estrutura do órgão público. Dessa forma, busca-se compreender e encontrar possíveis soluções para a responsabilização decorrente do assédio moral do servidor público, para que a escolha dos governantes não seja influenciada por uma minoria com interesses escusos. Trata-se de uma quebra de paradigmas, onde a mudança de cultura se faz necessária para que ocorra um pleito harmonioso.

Biografia do Autor

Ivan Dias da Motta, Centro Universitário UniCesumar
D
José Roberto Tiossi Junior, Centro Universitário UniCesumar
Mestrando em Direitos da Personalidade no Programa de Pós-Graduação em Ciências Jurídicas em Direitos da Personalidade no Centro Universitário UniCesumar; E-mail: tiossijr@hotmail.com
Seção
Doutrinas