<b>Mulheres Vivendo com HIV/AIDS: Avaliação da Qualidade de Vida / Females with HIV/AIDS: Assessment of Their Life Quality

  • Fernanda Marques da Costa Universidade Estadual de Montes Claros- Unimontes
  • Inucência Campos de Souza Faculdade de Saúde Ibituruna de Montes Claros -FASI
  • Zenni Silva Ribeiro Faculdade de Saúde Ibituruna de Montes Claros -FASI
  • Jaciara Aparecida Dias Santos Universidade Estadual de Montes Claros- Unimontes
  • Jair Almeida Carneiro Universidade Estadual de Montes Claros- Unimontes
Palavras-chave: HIV, Mulheres, Qualidade de Vida / HIV, Qualidade de Vida

Resumo

O presente artigo teve por objetivo caracterizar a produção literária acerca dos fatores de risco e atitudes profiláticas de estudantes e profissionais da saúde acerca da hepatite B. A fonte de busca foi a Biblioteca Virtual de Saúde, nas bases de dados LILACS, SciELO e BDENF, realizada no mês de agosto de 2014, referente aos anos de 2004 a 2014. Utilizou-se os seguintes critérios de inclusão: periódicos escritos em língua inglesa, espanhola e portuguesa e acessados em texto completo sobre o tema. Foram incluídos nessa revisão 22 artigos. Observa-se que a aplicação dos instrumentos para mensurar as diferentes dimensões da qualidade de vida tem predominado muito mais do que estudos para validar instrumentos e que a qualidade de vida dessas mulheres está diretamente associada à adesão ao tratamento. Dessa forma, foi possível identificar que o tema merece maior atenção, já que a alta taxa de incidência encontrada nos últimos anos e as desigualdades em relação aos contextos socioeconômicos, culturais e de gênero, potencializam vários aspectos que podem influenciar na qualidade de vida. ABSTRACT: Literary production on risk factors and prophylactic attitudes of students and health professional with regard to hepatitis B is provided. The source of current research was the Virtual Library of Science at the data bases LILACS, SciELO and BDENF, undertaken in 2014, for 2004 – 2014. The following selection criteria were used: journals in English, Spanish and Portuguese and access to the full text. Twenty-two articles were selected. The application of tools to measure the different types of life quality were predominant much more than studies to validate instruments. Moreover, life quality of the females was directly associated to treatment adhesion. The theme should be more underscored since high rates of occurrences during the last years and inequalities with regard to social, economic, cultural and gender contexts focus several aspects that may affect life quality.

Biografia do Autor

Fernanda Marques da Costa, Universidade Estadual de Montes Claros- Unimontes
Enfermeira; Doutoranda e Professora, Universidade Estadual de Montes Claros, Unimontes, Montes Claros, MG, Brasil. Professora, Faculdades Integradas Pitágoras, Montes Claros, MG, Brasil.
Inucência Campos de Souza, Faculdade de Saúde Ibituruna de Montes Claros -FASI
Graduada em Enfermagem pela Faculdade de Saúde Ibituruna de Montes Claros Minas Gerais, Montes Claros, MG, Brasil.
Zenni Silva Ribeiro, Faculdade de Saúde Ibituruna de Montes Claros -FASI
Graduada em Enfermagem pela Faculdade de Saúde Ibituruna de Montes Claros Minas Gerais, Montes Claros, MG, Brasil.
Jaciara Aparecida Dias Santos, Universidade Estadual de Montes Claros- Unimontes
Acadêmica de Medicina na Universidade Estadual de Montes Claros, Unimontes, Montes Claros, MG, Brasil.
Jair Almeida Carneiro, Universidade Estadual de Montes Claros- Unimontes
Mestre em Ciências da Saúde. Docente da Universidade Estadual de Montes Claros-Minas Gerais e das Faculdades Integradas Pitágoras de Montes Claros– FIPMoc, Montes Claros, MG, Brasil
Publicado
2014-12-05
Seção
Promoção da Saúde