<b>Formação Interdisciplinar em Educação Física: Política para Promoção da Saúde e QV

  • Gumercindo Vieira dos Santos Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Palavras-chave: Política Nacional de Promoção da Saúde, Formação Profissional em Saúde, Formação Interdisciplinar em Educação Física

Resumo

O objetivo deste artigo é analisar a relação entre as diretrizes da Política Nacional de Promoção da Saúde (PNPS) e a necessidade de abordagem interdisciplinar na formação dos profissionais de saúde para garantir a implantação da referida Política. A análise baseou-se numa revisão sistemática abrangendo conteúdos apresentados em diversas fontes legais, artigos e de referências relativas à Promoção de Saúde. Considera que toda Política Pública é uma intervenção na realidade social para assegurar os direitos do cidadão. Destaca a necessidade de preparar o exercício de um novo papel junto à população transformando os ritos da atenção à saúde e os processos de gestão do sistema. Da mesma forma, o enfoque interdisciplinar na formação em Educação Física (EF) pode favorecer sua participação qualificada nos processos de Educação para a Saúde e Qualidade de Vida, na promoção e gerenciamento das ações intersetoriais, base de toda Política Pública para a Saúde Integral.

Biografia do Autor

Gumercindo Vieira dos Santos, Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Doutor em Educação pela Universidad de La Empresa, Montevidéo / Uruguai. Mestre em Engenharia de Produção com ênfase em Gestão de Negócios pela Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC em 2003. Possui especialização em Educação Psicomotora pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul - Unir em Rondônia em 1986; concluiu Licenciatura Plena em Educação Física pela Faculdade de Educação Física do Norte do Paraná, atual Unopar em 1979. Atual coordenador do Programa de Ginástica Laboral do sistema UTFPR do Paraná, professor lotado no Departamento de Educação Física, chefe do Departamento de Extensão, Câmpus Curitiba da UTFPR.
Publicado
2015-04-30